PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Recuperado de lesões, Rojas marca pelo São Paulo após 2 anos e 7 meses

Thiago Fernandes

Do UOL, em São Paulo

03/03/2021 19h24

Classificação e Jogos

Joao Rojas voltou a fazer um gol pelo São Paulo após quase dois anos e sete meses sem sentir essa emoção. O equatoriano cobrou um pênalti aos 46 minutos do segundo tempo da vitória por 4 a 0 sobre a Inter de Limeira, na tarde de hoje (3), pela segunda rodada do Paulistão, e deixou a sua marca.

O último gol do atacante de 31 anos tinha acontecido em 5 de agosto de 2018, na vitória por 2 a 1 sobre o Vasco, pela 17ª rodada do Brasileirão daquela temporada. De lá para cá, ele esteve em campo em 16 oportunidades, incluindo o duelo de hoje.

O estrangeiro sofreu uma lesão no joelho direito em 26 de outubro de 2018, durante o jogo contra o Vitória. O problema clínico exigiu intervenção cirúrgica. Em agosto de 2019, Rojas voltou a sofrer uma contusão no mesmo joelho. Ele seguiu ausente até 25 de novembro de 2020, quando foi relacionado pela primeira vez pela comissão técnica de Fernando Diniz. A sua volta aos gramados, contudo, só aconteceu em 22 de fevereiro deste ano, no fim da temporada passada. Ele ficou 14 minutos em campo na derrota por 1 a 0 para o Botafogo.

Presente no gramado por mais 17 minutos na tarde de hoje, Rojas teve a oportunidade de cobrar um pênalti quando o placar do jogo já indicava 3 a 0. Com a penalidade, o atleta voltou a marcar após quase dois anos e sete meses, e o São Paulo venceu por 4 a 0.

Pablo se manifestou sobre o gol do companheiro em entrevista ao fim da partida: "Estou feliz com a vitória, com o Joao, que fez gol depois de muito tempo, por tudo o que ele passou".

O atacante também comentou o desempenho da equipe e a adaptação ao novo treinador. "O time está de parabéns pela vitória. É muito cedo, tem uma semana de trabalho, mas já está todo mundo entendendo, jogando da forma que ele [Crespo] gosta, com toques rápidos. Está todo mundo de parabéns", acrescentou.

São Paulo