PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Por Libertadores, Flu inicia sequência 'contra Z4'; no turno, saiu invicto

Fluminense venceu Coritiba por 4 a 0 no 1º turno, iniciando sequência invicta que pretende repetir por vaga na Libertadores - Lucas Merçon / Fluminense F.C.
Fluminense venceu Coritiba por 4 a 0 no 1º turno, iniciando sequência invicta que pretende repetir por vaga na Libertadores Imagem: Lucas Merçon / Fluminense F.C.

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

19/01/2021 04h00

Classificação e Jogos

A vitória sobre o Sport, no último sábado (16), foi importante para o Fluminense retomar os bons resultados. Agora, o Tricolor inicia uma sequência decisiva contra times na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, tentando repetir os números do primeiro turno, quando ficou invicto por oito rodadas.

Se a atuação no triunfo esteve longe de encher os olhos, sobretudo contra um time com um a menos na maior parte do jogo, o Tricolor olha para a tabela com esperança: foi na sequência de jogos que começa amanhã (20), contra o Coritiba, que a equipe deu uma arrancada no turno e se solidificou na briga para voltar à Libertadores, competição que não disputa desde 2013. O adversário da próxima rodada, inclusive, foi vítima da maior goleada do Flu neste Brasileirão: 4 a 0.

Nos quatro jogos contra as equipes que hoje estão no Z4, o Fluminense venceu três vezes e empatou uma, anotando dez pontos em 12 possíveis. Depois, manteve a invencibilidade por mais quatro partidas, somando, ao todo, 18 pontos em 24 possíveis para encerrar a primeira parte da competição no G4 — os jogos atrasados de adversários, entretanto, davam ao Tricolor o sexto melhor aproveitamento.

Brigando entre os oito primeiros durante grande parte do Brasileirão, o Flu, oficialmente, não estipula metas, mas trabalha com quatro vitórias até o final da competição para se garantir na próxima Libertadores. Atualmente, a equipe se mantém com desempenho idêntico ao de outros clubes que se classificaram à Libertadores em edições passadas do Brasileirão em que o G6 virou G8.

"Não estipulamos número para chegar para conseguir o objetivo, que é claro e todos sabem, que é a Libertadores. Não pensamos em número de vitórias ou de pontas, até porque todo mundo está vencendo. As equipes que estão disputando conosco estão bem, temos que fazer o nosso papel para continuarmos firmes na briga. Nessas últimas rodadas, o campeonato será diferente, se pegarmos historicamente, são partidas de atmosfera diferente. Precisamos buscar todas as vitórias. No final a gente vê o que vai acontecer", disse Lucca.

A primeira das oito "decisões" que o Fluminense tem pela frente ocorre amanhã, às 20h30, no Couto Pereira, contra o Coritiba, que ocupa o 19º posto da tabela. O Coxa venceu apenas três dos últimos 15 jogos — mas saiu vitorioso sobre o Vasco, em São Januário, na última rodada — e tem 25 pontos, bem distante dos 46 que dão a sétima colocação da competição para o Tricolor.

Fluminense