PUBLICIDADE
Topo

Liga dos Campeões - 2020/2021

Shakhtar faz 3 gols, leva susto, mas bate Real na estreia na Champions

Do UOL, em São Paulo

21/10/2020 15h47

Classificação e Jogos

O Shakhtar Donetsk sobrou contra o Real Madrid no primeiro tempo, hoje (21), levou um susto na etapa final, mas ainda assim ficou com a vitória: 3 a 2, fora de casa, no Estádio Alfredo Di Stéfano, na estreia dos dois clubes na fase de grupos da Liga dos Campeões. Os espanhóis até chegaram a empatar nos acréscimos, mas a arbitragem anulou o gol após auxílio do VAR..

Os três gols dos ucranianos foram marcados na primeira etapa. Tetê, Varane (contra) e Solomon balançaram as redes. No segundo tempo, Modric e Vinicius Junior descontaram para o time merengue.

Real e Shakhtar voltam a jogar pela Champions League na terça (27). Os espanhóis visitam o Borussia Monchengladbach. Antes, porém, os merengues enfrentam o Barcelona no clássico de sábado (24), pelo Campeonato Espanhol. Já o Shakhtar recebe a Inter de Milão.

Quem foi bem: Tetê decisivo

O brasileiro participou dos três gols do Shakhtar. Tetê marcou o primeiro, deu um chute que resultou no segundo e terminou com bela assistência no terceiro gol dos ucranianos.

Quem foi mal: Varane é o pior de defesa perdida

A defesa toda do Real teve um dia para se esquecer, entre ele Militão e Marcelo. O pior foi Varane. O francês acabou driblado com facilidade por Kornienko no primeiro gol do Shakhtar e fez contra no segundo gol dos visitantes.

Três gols de um lado

O Shakhtar começou pressionando e teve a primeira chance de marcar com Marlos, que parou em Courtois. Os visitantes abriram o placar aos 29 da primeira etapa. Kornienko se livrou da zaga do Real e ajeitou para Tetê finalizar.

O segundo saiu pouco depois, aos 33 minutos. Tetê mandou uma bomba, Courtois deu rebote, e Varane acabou fazendo contra na tentativa de impedir que Dentinho completasse.

O Shakhtar chegou ao terceiro gol aos 42. Tetê tocou de calcanhar para Solomon bater rasteiro, sem chance para Courtois.

(Quase) Reação do Real

O segundo tempo mostrou um Real Madrid diferente. Os espanhóis diminuíram aos nove, com Modric. O camisa 10 mandou no ângulo do goleiro do Shakhtar, que nem se mexeu.

A vantagem diminuiu ainda mais aos 14 minutos. Vinicius Junior tinha acabado de entrar no jogo e, em menos de 30 segundos em campo, o atacante brasileiro roubou a bola de Marlos para bater rasteiro. O segundo gol deu novo ânimo aos donos da casa.

O Shakhtar recuou e se contentou com o contra-ataque. O Real chegou a marcar o terceiro nos acréscimos, com Valverde. Porém, o árbitro anulou o gol depois de rever o lance avisado pelo VAR. Após o chute do uruguaio, a bola passou por Vinicius Junior, que estava impedido na frente do goleiro do Shakhtar. O juiz interpretou que o brasileiro participou do lance. Fim de jogo e vitória dos ucranianos.