PUBLICIDADE
Topo

Juventus

Danilo diz que Pirlo participa de treinos na Juventus: 'Ainda é incrível'

Lateral fez balanço positivo de primeira temporada na Juventus, e mira título na Copa do Mundo - Marco Bertorello / AFP
Lateral fez balanço positivo de primeira temporada na Juventus, e mira título na Copa do Mundo Imagem: Marco Bertorello / AFP

Do UOL, em São Paulo

16/09/2020 12h22

Andrea Pirlo assumiu o cargo de treinador da Juventus há poucas semanas, mas já colhe elogios de seus comandados. Em entrevista publicada hoje pelo site da Fifa, o lateral direito Danilo destacou a inteligência do novo técnico — o que, segundo ele, reflete a carreira de Pirlo como jogador.

"Ele era um jogador sem igual. Não era o mais veloz, mas era um grande pensador e tinha uma qualidade indiscutível com a bola. De fato, ele participou de algumas sessões de treinos nos últimos dias e ainda é incrível — sua visão, sua técnica", destacou o brasileiro.

"Ele realmente entende a mentalidade dos jogadores em campo, porque só parou de jogar recentemente (2017). Ele conhece a Juventus de dentro para fora. Ele sabe como passar sua mensagem, como falar com os jogadores individualmente, como obter o melhor deles. E ele tem aplicado algumas ideias táticas muito boas e é muito claro sobre como quer que o time jogue, o que eu realmente gosto. Os primeiros dias com a Andrea foram muito positivos", completou.

Contratado pela Juventus em 2019 após atuar pelo Manchester City, Danilo conquistou o Campeonato Italiano 2019/2020 pela Juventus. Após sua primeira temporada no clube, o lateral comemorou o que considerou "um bom ano".

"Foi um ano de adaptação. Saí da Premier League, que é totalmente diferente do Campeonato Italiano taticamente, fisicamente. Tentei me adaptar o mais rápido possível. Fiz muitos jogos, conseguimos vencer o Scudetto — mas está muito claro que na Juventus o objetivo é ganhar a Champions League, e ficamos aquém. Espero que meu segundo ano seja melhor e que eu evite lesões", projetou.

De olho na Copa do Mundo de 2022, Danilo espera que o Brasil possa ser campeão, mas vê outras seleções na briga pelo título.

"As eliminatórias serão difíceis. Taticamente e fisicamente, o futebol evoluiu muito. Isso torna tudo muito mais nivelado. Mas vencer a Copa do Mundo é nosso objetivo. Temos jogadores talentosos e experientes", afirmou, analisando possíveis rivais no caminho para o hexa.

"A Espanha está em boa forma, a França tem uma geração muito forte e eu coloquei a Bélgica e a Holanda, que têm estado incríveis recentemente, na briga. Você tem as equipes estabelecidas - Itália, Argentina. Em um torneio como a Copa do Mundo, além da qualidade, a tradição tem muito peso", acrescentou.

Juventus