PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Einstein diz que erro em testes do Red Bull foi replicado em 44 amostras

Comissão técnica do Red Bull Bragantino antes do duelo contra o Corinthians - Ari Ferreira/Red Bull Bragantino
Comissão técnica do Red Bull Bragantino antes do duelo contra o Corinthians Imagem: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino

Do UOL, em São Paulo

04/08/2020 14h55

Depois de confirmar uma divergência nos resultados de testes para a covid-19 do Red Bull Bragantino, a Federação Paulista de Futebol e o Hospital Albert Einstein informaram que o erro foi replicado em outras 44 amostras.

Procurado pelo UOL, o hospital informou que os 44 testes adicionais foram realizados em pacientes comuns, sem relação com os testes feitos para a sequência do Campeonato Paulista.

No período em que os resultados divergiram, foram identificados dois lotes específicos de reagentes importados com instabilidade de funcionamento, que foram provavelmente os responsáveis pelos resultados distintos.

"A fabricante, uma empresa internacional, foi imediatamente notificada sobre a ocorrência e os lotes com desempenho atípico foram retirados da rotina de exames do laboratório do hospital", disse o Hospital Albert Einstein em nota.

Os pacientes e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) foram comunicados da ocorrência.

O episódio envolvendo o Red Bull Bragantino resultou na divulgação de 23 casos de covid-19 de forma equivocada, às vésperas da derrota da equipe para o Corinthians.

Futebol