PUBLICIDADE
Topo

Como chegada de Jô pode forçar Tiago Nunes a inovar no Corinthians

Atacante Jô vestirá a camisa 77 em sua terceira passagem pelo Corinthians - Agência Corinthians
Atacante Jô vestirá a camisa 77 em sua terceira passagem pelo Corinthians Imagem: Agência Corinthians

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

27/06/2020 04h00

O atacante Jô foi apresentado na última quinta-feira (25) como novo reforço do Corinthians para a sequência da temporada. Em entrevista coletiva online, o atleta de 33 anos cogitou formar dupla com o argentino Mauro Boselli no comando do ataque.

Entretanto, para que isso aconteça, o técnico Tiago Nunes terá que inovar em relação ao esquema tático do Alvinegro. Isso porque Jô e Boselli possuem as mesmas características e gostam de atuar dentro da área.

Hoje, nenhum deles se vê atuando pelos lados do campo nos esquemas 4-2-3-1, 4-3-3 e 4-1-4-1, por exemplo. Desta forma, Tiago terá que optar pela formação 4-4-2. Neste caso, o treinador pode optar por duas linhas de quatro ou os tradicionais esquemas "quadrado ou losango" no meio-campo.

No entanto, vale ressaltar que Tiago Nunes gosta de atuar com apenas um centroavante no ataque corintiano. Em 14 jogos do Corinthians em 2020, o treinador escalou o Alvinegro com um "9 fixo" na frente em 11 jogos.

Apesar de Boselli formar dupla com Vagner Love em três jogos nesta temporada, o ex-camisa 9 do Corinthians atuou pelos lados do campo e, principalmente atrás de Boselli, como uma espécie de "falso 10", centralizado no meio-campo.

No caso de Jô, essa opção está praticamente descartada, já que o camisa 77 gosta de atuar centralizado e dentro da área, inclusive, na pequena área.

Caso Tiago Nunes aposte no 4-4-2, com Jô e Boselli no ataque, os atacantes Janderson, Everaldo e Yony González devem perder espaço e ficarem como opções no banco de reservas.

Futebol