PUBLICIDADE
Topo

Arnaldo: "Por questões políticas, SP não tem aval para a volta dos treinos"

Do UOL, em São Paulo

17/06/2020 04h00

Classificação e Jogos

Enquanto os clubes do Paraná, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul já conseguiram a liberação para o retorno aos treinos, com o Campeonato Carioca tendo até data projetada para a volta, o Estado de São Paulo segue sem previsão de retomada das atividades, mesmo depois da flexibilização da quarentena para outras atividades, como os shoppings, que puderam ser reabertos com restrições.

No podcast Posse de Bola #37, o jornalista Arnaldo Ribeiro afirma que o futebol paulista virou símbolo do embate político entre o governo de São Paulo, João Doria (PSDB-SP), e o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido). Doria é contrário à volta do futebol, enquanto Bolsonaro é favorável à retomada e chegou a participar de reunião com os presidentes de Flamengo e Vasco.

"Por questões políticas, São Paulo não teve o aval para a volta aos treinos ainda. Tem shopping aberto, tem concessionária aberta, tem loja aberta, tem [rua] 25 de Março aberta, e os caras não podem, os clubes de futebol, voltarem a treinar, fazer as suas bolhas, fazer os seus testes, os caras não estão autorizados nem a testar os jogadores", afirma Arnaldo (disponível no vídeo acima a partir de 26:13).

"Esse delay de um mês entre o Flamengo e os paulistas vai ser maior porque o governador do Estado elegeu o futebol como uma 'bandeira de resistência' ao governo federal. Enquanto o governo federal quer o futebol logo, o governador de São Paulo 'vou liberar o resto, mas o futebol fica aqui como um símbolo da minha resistência, da minha cautela, do meu respeito à vida'. Ah, vai passear. Para cima da gente? Você acha que vai convencer a gente?", completa o jornalista.

Arnaldo acredita que há condições para que os jogadores possam realizar as atividades caso respeitem os protocolos de isolamento e diz que deverá ocorrer uma pressão para que os atletas possam retomar os treinamentos para quando o retorno do futebol for possível.

"A pressão vai ser em cima do governo do Estado e das autoridades sanitárias para que os caras pelo menos treinem depois de três meses, seguindo protocolos. Mas atletas não podem ficar três meses sem treinar. Acho que existem condições mínimas em São Paulo pela abertura do resto e tudo mais, seguindo protocolos cautelosos e rígidos para os caras poderem pelo menos voltarem a treinar, porque voltar a jogar é lá para a frente, daqui um mês, um mês e tanto e tudo mais", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol