PUBLICIDADE
Topo

Como São Paulo ainda pode lucrar com Lucas Fernandes jogando em Portugal

Lucas Fernandes, durante partida entre Portimonense e Gil Vicente, pelo Campeonato Português - Divulgação/Portimonense
Lucas Fernandes, durante partida entre Portimonense e Gil Vicente, pelo Campeonato Português Imagem: Divulgação/Portimonense

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

05/06/2020 04h00

Lucas Fernandes foi um dos destaques no retorno do Campeonato Português após a pausa por causa da pandemia do novo coronavírus. O jogador fez um golaço na vitória por 1 a 0 do Portimonense sobre o Gil Vicente. A torcida do São Paulo tem motivos para se empolgar com o bom rendimento do meia. Afinal, o Tricolor paulista ainda pode lucrar com o atleta de 22 anos.

Em agosto do ano passado, ele foi vendido ao clube português por cerca de R$ 10 milhões. Porém, no acordo, ficou acertado que o Tricolor paulista continuaria com 50% dos direitos do atleta para futuras transações. Ou seja, quanto mais ele se valorizar no mercado da bola, mais o time do Morumbi pode receber em uma futura transferência.

Essa é a segunda passagem de Lucas Fernandes pelo Portimonense. Na primeira, ele já havia despertado o interesse de outras equipes, como o Porto. No mercado nacional, ele chegou a entrar na mira do Santos, que havia feito uma proposta de empréstimo com o valor fixado para compra. No entanto, o Tricolor paulista fez jogo duro e queria negociar o meia em definitivo, com a venda de ao menos 50% dos direitos para liberá-lo.

Lucas Fernandes era uma das apostas das categorias de base do São Paulo. O jogador foi muito bem avaliado pelos treinadores Edgardo Bauza e Rogério Ceni. Por causa de lesões, teve dificuldade para engatar uma boa sequência de partidas. Neste jogo pela Portimonense, curiosamente, ele fez o gol justamente contra um ex-companheiro, o goleiro Denis.

São Paulo