PUBLICIDADE
Topo

Fred receberá dois salários mínimos no Fluminense até volta do Brasileiro

Fred voltou a vestir a camisa do Fluminense em live de comemoração do tetracampeonato brasieleiro - Divulgação
Fred voltou a vestir a camisa do Fluminense em live de comemoração do tetracampeonato brasieleiro Imagem: Divulgação

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

31/05/2020 19h22

O presidente do Fluminense, Mario Bittencourt, disse no anúncio do retorno de Fred, que o jogador abriu mão de dinheiro para iniciar sua segunda passagem pelo clube. Durante a live de comemoração da conquista do tetracampeonato brasileiro o mandatário deu mais detalhes sobre o assunto.

Bittencourt falou em algumas oportunidades que Fred teve que entender o momento do Fluminense e abrir mão de dinheiro. E não foi pouco. Um dos maiores vencimentos do Cruzeiro, em 2019, o centroavante aceitou receber dois salários mínimos até a volta do Campeonato Brasileiro.

"Dentro dessa nossa realidade, o Fred compreendeu que nós passamos por um momento de extrema dificuldade, nós temos um acordo com nosso grupo de jogadores onde eles fizeram redução salarial. E o Fred olhando o que o grupo fez, entendendo que todos nós estamos principalmente estamos tentando sair desse momento difícil da pandemia, preservando empregos das pessoas menos favorecidas, aceitou que enquanto não houver jogo do Campeonato Brasileiro, pode haver de outra competição, a remuneração dele no contrato de trabalho será de dois salários mínimos, para que ele possa contribuir neste momento com a instituição", disse Mário à FluTV.

O contrato de Fred com o Fluminense é válido até o dia 21 de julho de 2022. A partir do Brasileiro, o atacante terá uma remuneração fixa em torno de R$ 300 mil, contando com um adicional variável de utilização de imagem e um percentual de venda de produtos e camisas, Sócio Futebol, patrocínios exclusivos e outros projetos de marketing.

Segundo Bittencourt, o plano é que Fred siga no clube após o fim do contrato, mas não como jogador.

"A nossa ideia é que ele fique conosco até lá e possa encerrar sua carreira como atleta profissional de futebol no Fluminense. O contrato é dividido em três partes. O Fred tem um contrato de trabalho, que é obrigatório por lei, todos os atletas profissionais têm, um de imagem, que versará sobre várias situações, criação de linha de produtos, relação com sócio-torcedor. Será uma exploração da imagem completa, o que não foi feito no passado quando ele esteve no clube. E uma terceira parte do contrato, que ainda não é um contrato, uma surpresa que eu queria fazer aqui na live: deixamos em aberto a possibilidade dele encerrando a carreira dele, sendo da vontade dele, ele se tornar um embaixador do Fluminense, se tornar um grande representante aqui no Brasil, Europa e em todo mundo. Ter a relação com o Fluminense que vários ídolos têm em seus clubes. Se a gente realmente partir para esse caminho lá na frente, ele será exclusivo do Fluminense. A utilização da imagem dele e da posição dele como embaixador, representante do clube em várias áreas", afirmou.

Fluminense