PUBLICIDADE
Topo

Yago se apoia nos livros durante quarentena antes de retorno ao Fluminense

Yago Felipe, do Fluminense, tem se dedicado aos livros na quarentena - Arquivo pessoal
Yago Felipe, do Fluminense, tem se dedicado aos livros na quarentena Imagem: Arquivo pessoal

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

26/04/2020 04h00

Longe dos holofotes e da badalação, o volante Yago Felipe chegou ao Fluminense no início deste ano. Aos poucos, chamou a atenção de Odair Hellmann e gozava do status de titular até a pausa provocada pela pandemia da Covid-19.

Confinado em casa, o cearense tem se apoiado nos livros para manter a cabeça em ordem durante o período. Influenciado por Ariana, sua esposa, o tricolor mergulha no universo da literatura com mensagens de fé e auto-ajuda.

"Esse hábito surgiu mais com o exemplo da minha esposa, ela lê bastante. Gosto de ler livros do Napoleon Hill e do Bispo Rodovalho. O Hill mostra para as pessoas de sucesso o que devemos fazer e isso ajuda muito no meu dia a dia, de como se relacionar com pessoas que tem o proposito de vencer. Tenho colocado isso no meu trabalho e no meu relacionamento", disse ele ao UOL Esporte.

Yago conta com a admiração do técnico Odair Hellmann e foi titular durante os últimos cinco jogos do Flu antes da paralisação. Ele afirma que a postura do treinador no dia a dia ajuda no desenvolvimento daqueles que não estão tendo tantas oportunidades:

"Desde que acertei com o Fluminense, minha expectativa era grande. Independentemente da condição, tem de se preparar para as oportunidades, essa é minha mentalidade. É um privilégio vestir essa camisa, aproveito essas oportunidades nos treinos e jogos. Às vezes, a gente só olha para os 11 que jogam, mas o Odair tem dado importância a todos".

Além da leitura, o atleta aproveita estas férias forçadas para fazer coisas que a agenda corrida de um jogador de futebol impede. Antes de retomar com tudo o cotidiano, o jogador curte o tempo com as pessoas mais próximas.

"Esse período de pausa é atípico, nunca tinha vivido isso. Aproveito para estar coma família, isso é raro ter esse tempo para ficar com a família e botar a conversa em dia", encerrou.

Fluminense