PUBLICIDADE
Topo

Dupla Gre-Nal faz 'terceiro tempo' de clássico com julgamento na Conmebol

Jeferson Guareze/AGIF
Imagem: Jeferson Guareze/AGIF

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

30/03/2020 04h00

Classificação e Jogos

Grêmio e Internacional fazem hoje (30) uma espécie de terceiro tempo do Gre-Nal da fase de grupos da Copa Libertadores. Conforme revelou o UOL Esporte, acontece nesta segunda-feira no Paraguai a audiência do Tribunal Disciplinar da Conmebol que analisará as oito expulsões do clássico do último dia 12, na Arena do Grêmio.

A audiência virtual começa às 15h30min (horário de Brasília). Os clubes farão sustentação oral por videoconferência com o Inter abrindo os trabalhos de defesa. Na sequência é a vez do Grêmio.

Serão julgados Pepê, Luciano, Caio Henrique Paulo Miranda pelo lado do Grêmio. No Inter, estarão no banco dos réus Moisés, Edenilson, Victor Cuesta e Praxedes. Cada expulsão será analisada individualmente, mas todas poderão se somar em uma denúncia maior.

Os dois clubes não estão denunciados, mas podem ser punidos com multa em caso de entendimento de briga generalizada e sustentação de distúrbio coletivo. O valor será definido pelos membros da comissão.

Grêmio e Internacional terão tempo para fazer sustentação oral dos argumentos anexados ao processo dias atrás. Os advogados se manifestarão por videoconferência e o resultado poderá ser conhecido ao final do dia.

Cada jogador, expulso no clássico, poderá pegar até seis partidas de suspensão. No cenário de punição extrema, os atletas ficarão fora do restante da fase de grupos e até de eventual duelo das oitavas de final.

As defesas anexaram vídeos do jogo para sustentar o pedido por absolvição. Um argumento a ser citado é que mesmo com a paralisação do jogo por quase 12 minutos, não houve necessidade de intervenção da polícia e nem registro de lesão corporal.

Grêmio e Internacional empataram sem gols a partida válida pela segunda rodada do grupo E. O primeiro Gre-Nal da história pela Libertadores ocorreu horas depois de a Conmebol anunciar suspensão do torneio em virtude da pandemia do novo coronavírus. O clássico foi acompanhado por 53 mil pessoas no estádio e bateu recorde na transmissão pelo Facebook.

Futebol