PUBLICIDADE
Topo

Flamengo disputa Recopa por consolidação de sua imagem e entrada no Top 5

Jogadores do Flamengo se preparam para erguer a taça da Libertadores. Clube venceu a edição de 2019 - REUTERS/Guadalupe Pardo
Jogadores do Flamengo se preparam para erguer a taça da Libertadores. Clube venceu a edição de 2019 Imagem: REUTERS/Guadalupe Pardo

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

19/02/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Flamengo mira o retorno ao Mundial de Clubes, mas os jogadores têm um compromisso que pode ajudar o clube a se consolidar no cenário continental antes de iniciada a caminhada rumo ao tricampeonato da América do Sul, competição que garante o passaporte carimbado para Doha, no Qatar.

O Rubro-Negro encara hoje (19) o Independiente del Valle (EQU), às 22h30 (horário de Brasília), no Estádio Atahualpa, em jogo válido pela Recopa. Mais que o inédito troféu, o clube busca reforçar seu prestígio continental após anos de fracassos em série em campos fora dos limites do Brasil.

Até a temporada de 2019, a Libertadores era sinônimo de pesadelo para os rubro-negros, que acompanharam eliminações traumáticas ante Defensor (URU), América (MEX), Universidad do Chile, León (MEX), dentre outras quedas. Até que a virada sobre o River Plate viesse, os torcedores também conviveram com duros golpes na Sul-Americana, casos do revés para o Palestino (CHI) e o vice-campeonato ante o Independiente (ARG).

Embalado por troféus em sequência, o Flamengo chega a Quito disposto a firmar de vez o seu nome entre os gigantes sul-americanos. Em jogo, além do troféu e do reforço de sua própria imagem, o Fla busca um cheque de 2 milhões de dólares (R$ 8,6 milhões). De quebra, o Rubro-Negro pode empatar com o Grêmio e entrar no Top 5 dos clubes brasileiros com mais conquistas internacionais. Com cinco, o clube está atrás de São Paulo (12), Santos (8), Internacional (7) e Cruzeiro (7).

"Já sabemos das características do jogo que vamos ter aqui. Vamos estar preparados fisicamente. Será um jogo muito intenso e dinâmico. Tivemos um desgaste grande na Supercopa, uma viagem desgastante, e precisamos descansar bem. Será uma partida difícil contra um time muito intenso", disse Arrascaeta.

A capital equatoriana fica a uma altitude de 2.850 metros, mas o Flamengo irá com força máxima, já que as únicas baixas são Gabigol, suspenso pelo vermelho na final da Libertadores, e Léo Pereira, lesionado. Pedro e Gustavo Henrique devem ser titulares.

"Não tenho muita experiência na altitude. Temos um departamento médico muito competente, que está preparando os jogadores há alguns dias", pontuou o técnico Jorge Jesus.

Habituado a disputas similares na Europa, o Mister é um dos grandes entusiastas da disputa. Com o título da Supercopa do Brasil já no bolso, o Rubro-Negro pretende chegar ao jogo da volta, dia 26, no Maracanã, com um resultado favorável para dar a volta olímpica diante de seus torcedores e se firmar de vez no cenário.

FICHA TÉCNICA:
INDEPENDIENTE DEL VALLE x FLAMENGO

Local: Estádio Atahualpa, em Quito (EQU)
Data: 19 de fevereiro de 2020, quarta-feira
Horário: 22h30 (de Brasília)
Árbitro: Leodan González (URU)
Assistentes: Nicolas Taran (URU) e Richard Trinidad (URU)
VAR: Esteban Ostojich (URU)

INDEPENDIENTE DEL VALLE: Iván Brun; Marco Carrasco, Luis Romero, Darwin Quilumba e José Mendoza; Horacio Orzan, Deison Méndez, Ignacio Herrera e John Carabalí; Julio Angulo e Muriel Orlando. Técnico: Miguel Ángel Ramirez

FLAMENGO: Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Arão, Gerson e Everton Ribeiro; Arrascaeta, Bruno Henrique e Pedro (Michael). Técnico: Jorge Jesus

Flamengo