PUBLICIDADE
Topo

Pai de Neymar e Léo conduziram venda de Vanderlei do Santos para o Grêmio

Vanderlei, goleiro ex-Santos, durante apresentação como jogador do Grêmio - Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Vanderlei, goleiro ex-Santos, durante apresentação como jogador do Grêmio Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Éder Traskkini, Jeremias Wernek e Thiago Fernandes

Do UOL, em Santos, Porto Alegre e Belo Horizonte

23/01/2020 04h00

O pai de Neymar esteve envolvido na venda de Vanderlei do Santos para o Grêmio. Foi o empresário quem conduziu o negócio que culminou na assinatura de um contrato de duas temporadas pelo goleiro. Léo, ex-lateral esquerdo do time da Vila Belmiro, também atuou de forma ativa nas tratativas. O parente do craque Neymar não pôde ir ao Rio Grande do Sul para finalizar o acordo do atleta de 35 anos e foi representado por um advogado da NN Consultoria, que deu orientação técnica à assinatura do vínculo. O ex-lateral foi quem resolveu questões comerciais.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Grêmio