PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV


Casão diz que não teria paciência com Pato: "Faz tempo que não faz nada"

Alexandre Pato lamenta chance perdida durante jogo do São Paulo contra o CSA, no Brasileirão - Marcello Zambrana/AGIF
Alexandre Pato lamenta chance perdida durante jogo do São Paulo contra o CSA, no Brasileirão Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/01/2020 14h40

A paciência de Walter Casagrande com Alexandre Pato acabou. Questionado, durante o Globo Esporte SP de hoje, sobre a permanência do atacante no São Paulo após recusar uma proposta do Shabab Al Ahli, de Dubai, o comentarista afirmou que, se fosse dirigente do tricolor paulista, teria desistido de 'recuperar' o atacante.

"Ninguém nunca reclamou do comportamento dele, é um cara legal. O problema é que faz muito tempo, em muitos clubes grandes, que ele não consegue fazer nada", falou Casão, que seguiu:

"Eu sou um ex-jogador e comentarista, mas vou fingir que sou dirigente do São Paulo. Eu não teria paciência. Não é recuperar para um jogo, é recuperar para um ano. É muito difícil. Eu não acredito que consiga, mas o Fernando Diniz é um ótimo treinador e pode conseguir alguma coisa".

Com Pato provavelmente entre os reservas, o São Paulo estreia no Campeonato Paulista nesta quarta-feira, às 21h30, contra o Água Santa, no Morumbi.

UOL Esporte vê TV