PUBLICIDADE
Topo

Inter chega a 32 jogadores no elenco. Veja quem ainda pode chegar e sair

Jogadores do Internacional durante treinamento em Porto Alegre - Ricardo Duarte/Inter
Jogadores do Internacional durante treinamento em Porto Alegre Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

16/01/2020 04h00

Com a chegada de Moisés e a saída de Zeca, o Internacional chegou a 32 jogadores no elenco principal. Perto da meta para o restante da temporada, o Colorado ainda tem situações pendentes para 2020.

A reportagem do UOL Esporte separou os atletas que ainda podem chegar ou sair para o início das competições oficiais, marcado para a próxima semana.

Quem pode sair?

Wellington Silva
O Internacional ainda trata com o Fluminense a possibilidade de volta de Wellington Silva. Sem espaço no time principal do Colorado, o meia-atacante tem apenas mais seis meses de contrato em Porto Alegre. O clube gaúcho, porém, só irá liberar o jogador para voltar ao Rio de Janeiro e atuar no Flu, clube pelo qual ainda possui vínculo, quando conseguir outra alternativa.

Uendel
A chegada de Moisés simbolizou o quarto lateral esquerdo no grupo. Além dele, Eduardo Coudet conta com Natanael, Erik e Uendel. O último é quem mais chances tem de deixar o clube, no entanto, ainda não houve proposta concreta para isso. O Vasco surgiu como interessado, mas ele recusou a possibilidade de transferência.

Sarrafiore
O meia-atacante argentino esteve nos planos do Bahia antes da concretização do negócio envolvendo Moisés. O Inter, porém, ainda não desistiu dele e crê na utilização no ano que vem. O que pode pesar para uma eventual saída é a chegada de outro jogador estrangeiro, que deixaria o Colorado com número além do possível.

Patrick
Alvo de clubes da Turquia, o meio-campista Patrick ainda pode deixar o Colorado nesta janela de transferências. Porém, não há garantia de proposta oficial, que ainda não foi apresentada.

Paolo Guerrero
Até o fechamento da janela de transferências, Paolo Guerrero segue na mira do Boca Juniors. O clube argentino não desistiu, mas já sabe que terá poucas chances de contar com o peruano.

Quem pode chegar?

Aránguiz
Lesionado, o chileno Charles Aránguiz tem negociação longa com o Inter. A possibilidade de chegada para realizar tratamento é uma realidade, mas a transferência para o clube gaúcho poderia ocorrer apenas através de um pré-contrato para o meio do ano. Para antecipar o prazo, os colorados estão dispostos a fazer um esforço financeiro.

Caso não consiga acordo com Aránguiz, o Internacional vai atrás de um meio-campista de características semelhantes.

Um zagueiro
Com dois titulares firmados e dois meninos completando o grupo, o Inter espera encontrar uma alternativa para a zaga. A busca é por um jogador de futuro, que possa entrar quando tiver vaga na equipe, mas que aceite a condição de suplente de Moledo e Cuesta. Pedro Henrique, alçado ao elenco principal pela ausência de Bruno Fuchs -- serve à seleção brasileira que disputará o Pré-Olímpico da Colômbia --, deve voltar para as categorias de base.

Reserva para Guerrero
As saídas de Pedro Lucas, Tréllez e Rafael Sobis abriram espaço para chegada de outros atacantes. Ainda que tenha subido Netto e Peglow da base e contratado Marcos Guilherme, o clube vermelho ainda procura uma opção para eventuais ausências de Guerrero, que é frequentemente chamado para seleção peruana. Não precisa necessariamente ser um centroavante de ofício, já que Coudet costuma montar suas equipes com dois homens de frente móveis.

Internacional