Topo

Fluminense faz apelo por apoio da torcida e recorre à promoção de ingressos

Contra o Corinthians, pela Sul-Americana, Flu teve seu maior público do ano até aqui: mais de 53 mil pagantes - Maílson Santana/Fluminense FC
Contra o Corinthians, pela Sul-Americana, Flu teve seu maior público do ano até aqui: mais de 53 mil pagantes Imagem: Maílson Santana/Fluminense FC

Do UOL, no Rio de Janeiro

23/10/2019 04h00

À beira da zona do rebaixamento, o Fluminense fez um apelo ao seu torcedor. Precisando da vitória, a diretoria decretou uma promoção de ingressos para o jogo contra a Chapecoense, neste sábado, às 19h30, no Maracanã, colocando o preço do bilhete a partir de R$ 10. E o pedido de apoio não se resumiu somente aos valores da entrada, se estendendo também para jogadores e dirigentes.

O atacante Wellington Nem, por exemplo, pediu para que os tricolores não os abandonem, já que na derrota para o Flamengo, no último domingo (20), menos de três mil pagantes compareceram no setor sul, do Flu.

"A torcida não pode desistir da gente. Contamos com eles. Contra o Bahia, estavam com a gente e foi lindo. Contra o Athletico-PR também. Contamos com o apoio, porque a gente vai dar o máximo para sair com a vitória", disse.

O público tricolor no clássico no Maracanã - que tinha carga dividida meio a meio - teve 2.732 ingressos de setor sul utilizados. Já na vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo no Nilton Santos, quando a carga para visitantes foi limitada para 10%, chegou a ser superior, com 3.448 bilhetes foram utilizados.

Vice-geral do Fluminense, Celso Barros utilizou seu Instagram para também fazer um apelo aos tricolores, admitindo os problemas internos, mas pedindo uma união entre clube e torcida para sair da situação delicada no Campeonato Brasileiro.

"Mais uma vez, gostaria de solicitar à nossa torcida todo apoio ao jogo de sábado contra a Chape no Maracanã. Precisamos todos nós estarmos unidos para que tenhamos êxito neste momento. Quando pudermos sair dessa situação, poderemos discutir o que fazer em 2020, para que possamos ter uma temporada diferente", escreveu o dirigente.

O valor mais barato para a partida contra a Chapecoense é o referente à meia-entada para o setor Leste Superior - a inteira custa R$ 20. Os bilhetes para o Leste Inferior estão R$ 40 (R$ 20 a meia), e o setor Sul custa R$ 50 (R$ 25 a meia). O Maracanã Mais custa R$ 155 (R$ 110 a entrada com desconto).

O Fluminense tem o 11º melhor público pagante médio do Campeonato Brasileiro, com 18.562 bilhetes comercializados.

Fluminense