Topo

Futebol


Atlético-MG quer manter Nathan, e Chelsea não deve criar empecilhos

Nathan está emprestado ao Atlético-MG até o fim de 2019 - Thiago Ribeiro/AGIF
Nathan está emprestado ao Atlético-MG até o fim de 2019 Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

22/10/2019 04h00

O Atlético-MG trabalha para a manutenção de Nathan em 2020. O meio-campista está emprestado ao clube até dezembro deste ano. No entanto, há interesse dos mineiros em segurá-lo por mais tempo, o que não deve ser complicado, já que ele não está nos planos do Chelsea.

O UOL apurou que o Galo já fez contato com o estafe do jogador. Por outro lado, o pai do atleta e o agente Giuliano Bertolucci têm a incumbência de negociar com o detentor dos direitos de Nathan.

Os ingleses não contam com o brasileiro na equipe comandada por Frank Lampard e, diante da dificuldade em reintegrá-lo, não pretendem renovar o vínculo - o qual se encerra em julho de 2020. A ideia, portanto, é que ele seja novamente emprestado, com um contrato de seis meses, e assine em definitivo ao fim do acordo.

Rui Costa, diretor de futebol, é quem conduz as conversas. Ele já havia sinalizado com essa intenção ao jogador após a extensão do empréstimo por mais seis meses.

Após a vitória do Atlético sobre o Santos, Nathan expressou o seu desejo em seguir na Cidade do Galo ao fim do acordo de empréstimo.

"Ainda não teve nenhum avanço, mas já expressei minha vontade para o meu pai e meus empresários. Minha vontade é ficar aqui. Criei uma identificação muito grande com a torcida e com o clube. Fico feliz que as coisas vão andando para o caminho certo", declarou.

Futebol