Topo

Como a chegada de Abel ao Cruzeiro está ligada à de Diniz ao São Paulo

Abel Braga quando foi apresentado como técnico do Cruzeiro - Vinnicius Silva/Cruzeiro
Abel Braga quando foi apresentado como técnico do Cruzeiro Imagem: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Arthur Sandes, Enrico Bruno e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo e Belo Horizonte

16/10/2019 04h00

O Cruzeiro tenta escapar das últimas colocações na tabela do Campeonato Brasileiro. Um importante passo neste sentido seria derrotar o São Paulo na partida de hoje (16), a partir das 21h, no Mineirão. Para tal missão, a Raposa conta com o comando de Abel Braga. Curiosamente, a chegada do treinador a Belo Horizonte pode ser explicada pela contratação de Fernando Diniz no Tricolor paulista.

No início da temporada, Fernando Diniz dirigia o Fluminense, enquanto Abel estava à frente do Flamengo. O time das Laranjeiras não alcançava os resultados esperados, apesar de apresentar um esquema tático considerado moderno e de receber elogios por sua competitividade. Quando a pressão sobre Diniz aumentou, em junho, a diretoria do Tricolor carioca procurou Abel Braga, que destacou o trabalho de Diniz e recusou o convite.

Em agosto, Diniz, ainda sem resultados convincentes, não resistiu e perdeu o seu emprego. Na época, os dirigentes tentaram mais uma vez contratar Abel. O treinador agradeceu o contato, mas novamente não quis fechar com o Fluminense, por achar que não seria o momento ideal, por não querer herdar uma equipe no meio da temporada e por acreditar que o esquema implantando por Diniz funcionava.

O caminho dos dois voltou então a cruzar nesta temporada no fim de setembro. Cuca, angustiado com o desempenho fraco do São Paulo, pediu demissão. Praticamente que de maneira simultânea, o Cruzeiro mandou embora Rogério Ceni, que entrou em rota de colisão com o elenco. O presidente do Tricolor paulista, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, já havia demonstrado diversas vezes admiração pelo trabalho de Abel, que estava livre no mercado.

Ou seja, seria mais do que lógico o São Paulo fazer uma proposta para Abel. No entanto, os integrantes do departamento de futebol pensaram em Fernando Diniz. Os jogadores também pediram a contratação do treinador, que fechou o acordo com o time do Morumbi. Desta maneira, o Cruzeiro viu Abel permanecer livre no mercado, sendo o mais forte para o cargo.

No time mineiro, Abel ainda não conseguiu vencer nem convencer. Em quatro partidas, sendo três contra concorrentes diretos pela permanência na Série A, a equipe perdeu uma e empatou três. Em todos esses duelos, a vitória não veio devido a uma mistura de azar, desorganização, ansiedade e muitas falhas por parte dos jogadores. Com a situação cada vez mais alarmante, o Cruzeiro precisa vencer pelo menos sete dos 13 jogos restantes se quiser permanecer na elite.

Em suas entrevistas, Abel não esconde a frustração pelos maus resultados e o abatimento com a crise dentro e fora de campo que assola o clube. Agora, ele terá que se virar para criar algum fato novo e conseguir engrenar uma boa sequência. A começar pelo São Paulo, adversário indigesto e sempre visto como pedra no sapato da equipe celeste.

Ficha técnica

Cruzeiro x São Paulo

Data: 16 de outubro de 2019, quarta-feira Horário: 21 horas (de Brasília)
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Competição: Campeonato Brasileiro, 26ª rodada
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva e Bruno Raphael Pires (ambos de GO)
VAR: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Cruzeiro: Fábio; Weverton, Dedé, Fabrício Bruno e Egídio; Henrique, Éderson; Thiago Neves, Robinho (Marquinhos Gabriel), David; Fred. Técnico: Abel Braga.

São Paulo: Tiago Volpi, Igor Vinicius (Juanfran), Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan; Tchê Tchê, Liziero (Daniel Alves), Hernanes e Antony; Alexandre Pato. Técnico: Fernando Diniz.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

São Paulo