Topo

Real desmente ansiedade e diz que Courtois teve gastroenterite durante jogo

Thibaut Courtois, goleiro do Real Madrid, durante a partida contra o Club Brugge - Quality Sport Images/Getty Images
Thibaut Courtois, goleiro do Real Madrid, durante a partida contra o Club Brugge Imagem: Quality Sport Images/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

04/10/2019 08h30

O Real Madrid divulgou hoje uma nota oficial, desmentindo os boatos de que a queda de produção do goleiro Courtois durante jogo da Liga dos Campeões foi devido a um quadro de ansiedade. O empate em 2 a 2 em casa com o Club Brugge escancarou uma crise que já rondada o clube e rendeu críticas diretas de Zidane ao goleiro.

"Em relação a determinadas informações sobre nosso jogador Courtois, o Real Madrid quer informar o seguinte: Que nosso jogador em nenhum momento foi diagnosticado com um suposto quadro de ansiedade e que, portanto, essas informações são absolutamente falsas", diz a nota.

"Que Courtois foi diagnosticado e tratado com uma gastroenterite aguda com desidratação e desequilíbrio eletrolítico, o que o impediu de finalizar a partida. O jogador responde de maneira favorável ao tratamento", encerra o comunicado.

Courtois jogou apenas 45 minutos e acabou substituído ainda no intervalo. Depois da partida, um problema estomacal foi apontado como motivo para a troca. Mas Zidane não conseguiu esconder a insatisfação com a exibição do belga.

"É o goleiro do Real Madrid, junto com o Areola. Cada um pode dizer, mas não vou entrar nisso. Única coisa que vou dizer é que todos temos que estar preparados. Como nos últimos três jogos, ele é o titular", iniciou Zidane, antes de culpar o goleiro.

"No primeiro tempo, podemos culpar Thibout (Courtois), mas acabou sendo todo mundo, eu inclusive. Se continuássemos com aquela postura, perderíamos o jogo. E os jogadores mudaram a partida", concluiu o técnico.

Real Madrid