Topo

"Não disse que são ultrapassados", diz Jesus sobre técnicos brasileiros

Do UOL, em São Paulo

14/09/2019 20h30

Uma antiga declaração de Jorge Jesus sobre técnicos brasileiros veio à tona nesta semana e repercutiu bastante na imprensa e até mesmo entre os treinadores -- Cuca, por exemplo, defendeu os compatriotas e preferiu não rebater o português.

O comandante do Flamengo, então, acabou questionado sobre o assunto, após a vitória por 1 a 0 sobre o Santos, pelo Brasileirão, e pôde se explicar.

"Ainda bem que você fez (essa pergunta), que é para tirar dúvidas. Eu estou como treinador do Flamengo, no Brasil, então estou sujeito a críticas, desde que sejam justas. Os jogadores brasileiros são os melhores do mundo, com muito talento. Tecnicamente muito evoluídos. E, por isso, deixou-se de lado a tática. Enquanto na Europa a gente pensa mais ao contrário. Ou seja, os jogadores têm tanta qualidade, que não valorizaram tanto a tática, essa é a palavra. E continuaram a valorizar a técnica individual que o jogador tem. Não disse que os treinadores são ultrapassados. Se tem alguma coisa entalada na garganta com o Flamengo ganhando, ok, mas não inventem coisas", disse.

Jesus, aliás, agradeceu ao técnico são-paulino, que o elogiou na última quarta-feira (11), quando falou sobre o tema.

"Também queria agradecer as palavras do técnico do São Paulo. Hoje eu estou no Brasil, sei como devo respeitar o Campeonato Brasileiro, pela qualidade dos jogadores e treinadores. Vocês não sabem, mas na Europa, em Portugal, todos os dias falam de Flamengo. Não sei quanto tempo estarei no Brasil, mas enquanto estiver aqui irei respeitar o futebol brasileiro", acrescentou.

Na sequência da coletiva, um jornalista ainda tentou retomar o assunto. Foi quando o técnico Rubro-Negro subiu um pouco o tom e cravou que não falará mais sobre isso. "Não respondo mais sobre essa questão. O que tinha para falar já foi dito. Não falo mais disso, nem hoje, nem enquanto estiver aqui no Brasil", afirmou, de forma mais contundente.

Mais Flamengo