Topo

Futebol


Corinthians volta de Erechim para velório de atleta e jogo é adiado

Douglas Nunes, do Corinthians, foi assassinado ao deixar casa noturna em Erechim-RS - Divulgação
Douglas Nunes, do Corinthians, foi assassinado ao deixar casa noturna em Erechim-RS Imagem: Divulgação

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

12/08/2019 13h36

A delegação de Futsal do Corinthians já retornou de Erechim-RS, cidade em que foi assassinado o pivô da equipe, Douglas Nunes da Silva, de 27 anos, na madrugada do último domingo. Eles retornaram para acompanhar o velório e enterro do companheiro, que acontece na tarde de hoje, em São Paulo.

Segundo apurou o UOL Esporte, antes de viajar, o clube paulista pediu adiamento da partida contra o Atlântico marcada para esta quarta-feira pela Liga Nacional de Futsal. A confirmação do adiamento veio hoje pela manhã. A nova data para o confronto ainda não está definida.

O Corinthians estava na cidade para as finais da Taça Brasil. Na semifinal, o time foi derrotado pelo mesmo Atlântico por 5 a 3, no sábado. A equipe permaneceu na cidade para o novo duelo contra o Atlântico, desta vez pela Liga. Foi por isso que o pivô decidiu frequentar a casa noturna no dia de folga.

Douglas discutiu com o assassino quando pagava a conta na boate e foi alvejado com um tiro na cabeça na saída do local.

A polícia prendeu o suspeito de matar Douglas Nunes. O homem de 25 anos foi detido na tarde de ontem e confessou o crime. A prisão preventiva já foi decretada pela Justiça e, por isso, ele já foi encaminhado ao presídio.

O suspeito já tinha sido preso por tráfico de drogas e, inclusive, estava em prisão domiciliar. Por conta disso, ele não poderia estar na rua naquele momento.

O velório de Douglas está acontecendo no cemitério da Vila Alpina, na Zona Leste de São Paulo. O sepultamento ocorre às 16h.

O Corinthians lamentou a morte do jogador em sua conta oficial no Twitter.

Futebol