PUBLICIDADE
Topo

Santos

Vanderlei tem status de titular absoluto ameaçado pela 1ª vez em cinco anos

Ivan Storti/Santos FC
Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

01/03/2019 04h00

O goleiro Vanderlei foi indiscutivelmente titular do Santos desde que chegou ao Peixe em 2015, vindo do Coritiba. Atuando em alto nível, esteve no radar da seleção brasileira e sua não-convocação foi motivo de discussões em todo o país. No entanto, após cinco anos na Vila Belmiro, o camisa 1 vê pela primeira vez o posto de titular ameaçado.

Com a contratação de Everson, que chegou do Ceará no início deste ano a pedido do técnico Jorge Sampaoli, o arqueiro começa a entrar em um rodízio e ser poupado de algumas partidas no Santos, fato que nunca havia acontecido até então, enquanto Vladimir, hoje emprestado ao Avaí, foi seu reserva.

Mais do que isso, o titular da meta santista já desde o ano passado começou a ter algumas atuações questionadas por parte da torcida. A mais recente delas foi justamente na eliminação do Santos diante do River Plate (URU), quando Vanderlei saiu do gol como líbero e acabou driblado por Mauro Da Luz que fez o gol. O preparador de goleiros do Peixe, Arzul, admitiu um erro de leitura do camisa 1.

"O Felipe Aguilar estava junto com o atacante na disputa. Quando acontece isso o goleiro tem que ficar dentro do gol, porque se houver um toque do atacante a bola entra. Ele esperou a definição, mas o Felipe perdeu na corrida e parou. Quando ele parou, o Vanderlei saiu e já era tarde porque o atacante já estava em velocidade. A leitura foi equivocada e provocou essa situação. É difícil, mas é uma falha de leitura", disse Arzul em entrevista à rádio Nova FM.

Por outro lado, Everson vem aproveitando as oportunidades que tem e agradando. Ele atuou na partida contra o Mirassol, quando não foi exigido, mas demonstrou qualidade com os pés. Já no clássico contra o Palmeiras foi o principal destaque com as mãos e garantiu o empate por 0 a 0 sendo o melhor jogador do Peixe em campo.

Ainda segundo Arzul, o técnico Jorge Sampaoli definiu que Vanderlei será o titular do Santos no Campeonato Paulista e Brasileiro, mas que Everson atuará na Copa do Brasil. Isso não aconteceu na primeira partida do torneio por causa da goleada sofrida para o Ituano na partida anterior como forma de preservar o camisa 1 e não tirá-lo do time como o "culpado" pela derrota.

Aos 35 anos, Vanderlei soma 244 jogos com a camisa do Santos, sendo o oitavo goleiro com mais partidas na história do Peixe, somente 11 jogos atrás do lendário uruguaio Rodolfo Rodriguez, sexto dessa lista. O camisa 1 tem contrato com o Santos até o final do ano que vem. Everson tem 28 anos e já dá indícios de ser o sucessor natural de Vanderlei na posição.

Santos