PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Flu define 3 alvos no Mercado da Bola, mas se vê em situação complicada

Wellington, do São Paulo, está na mira do Fluminense após um pedido do técnico Abel Braga - Érico Leonan / saopaulofc.net
Wellington, do São Paulo, está na mira do Fluminense após um pedido do técnico Abel Braga Imagem: Érico Leonan / saopaulofc.net

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

20/12/2016 06h00

O Fluminense tem três alvos claros no mercado da bola. São eles o zagueiro Thiago Heleno, do Atlético-PR, o volante Wellington Martins, do São Paulo, e o lateral direito Alemão, do Botafogo. Dois deles, porém, estão mais próximos de outros clubes e deixam o Tricolor em situação complicada.

É o caso de Alemão. O jogador tem contrato de empréstimo com o Botafogo até o dia 31 de dezembro, data essa que o deixa tranquilo com assédio de outros clubes. O Alvinegro precisa depositar R$ 600 mil na conta do Bragantino para fazer valer a preferência na renovação de contrato.

Somente se o Botafogo não efetuar o pagamento é que o Fluminense poderá fazer uma investida para contratar o lateral direito que se destacou bastante na reta final do Campeonato Brasileiro ao substituir o lesionado Luis Ricardo, que retorna ao Alvinegro durante a pré-temporada.

Situação semelhante vive Thiago Heleno. O zagueiro está na mira do Fluminense, que assim como no caso de Alemão e Botafogo, terá que esperar o Atlético-PR se definir com o zagueiro.

O Deportivo Maldonado-URU, clube de empresários que detém os direitos econômicos de Thiago, pede US$ 2,5 milhões (R$ 8,5 milhões). A ideia do Atlético-PR é tentar a permanência do defensor com o dinheiro da negociação de Hernani com o Zenit-RUS.

Outro que interessa bastante é Wellington Martins. O volante tem contrato com o São Paulo até outubro de 2018 e voltou de lesão nesta reta final de Brasileiro – ele estava há mais de um ano sem entrar em campo. Atualmente o jogador sofre com a concorrência na posição e pode amargar a reserva.

E é justamente esse argumento que o Fluminense quer usar para conquistar Wellington. Ele é um pedido pessoal do técnico Abel Braga, que quer um primeiro volante veloz. O treinador não vê Orejuela ou Douglas com essa característica. Pierre está fora dos planos, apesar de ter contrato até o fim de 2017 e tem futuro indefinido. 

Quer receber notícias do Fluminense de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Futebol