PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Meia revela tática inusitada do Liverpool ao contratá-lo: não falar de bola

Wijnaldum foi contratado pelo Liverpool em julho - Divulgação/Liverpool
Wijnaldum foi contratado pelo Liverpool em julho Imagem: Divulgação/Liverpool

Do UOL, em São Paulo

26/11/2016 19h11

O Liverpool precisou superar concorrentes para contratar em julho deste ano o meio-campista holandês Georginio Wijnaldum, 26. A estratégia adotada pelo clube inglês para isso, contudo, não foi baseada em mais dinheiro ou em condições mais favoráveis no contrato. A base do acordo foi uma conversa pessoal entre o atleta e o técnico da equipe, o alemão Jurgen Klopp.

“Eu tive uma grande conversa com ele. Nós rimos e não falamos de futebol. Ele estava interessado na minha vida pessoal, e eu achei isso bom. Ele não queria apenas o Wijnaldum jogador, mas o Wijnaldum pessoa”, contou o holandês ao jornal inglês “The Guardian”.

“Quando você não está no campo de jogo, é fundamental se comunicar com as pessoas. Se você souber algo sobre elas, isso fica mais fácil”, completou o jogador.

Wijnaldum foi titular do Liverpool desde o início da temporada, mas chegou a perder uma posição no 11 inicial de Klopp depois de enfrentar problemas causados por lesões. Neste domingo (26), na vitória sobre o Sunderland, esteve mais uma vez na formação principal.

Futebol