PUBLICIDADE
Topo

Rodrigo Mattos

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Negociação de Flamengo ao Red Bull por Natan envolve R$ 27 milhões por 60%

Natan, zagueiro do Flamengo - Reprodução/Instagram
Natan, zagueiro do Flamengo Imagem: Reprodução/Instagram
Rodrigo Mattos

Nascido no Rio de Janeiro, em 1977, Rodrigo Mattos estudou jornalismo na UFRJ e Iniciou a carreira na sucursal carioca de ?O Estado de S. Paulo? em 1999, já como repórter de Esporte. De lá, foi em 2001 para o diário Lance!, onde atuou como repórter e editor da coluna De Prima. Mudou-se para São Paulo para trabalhar na Folha de S. Paulo, de 2005 a 2012, ano em que se transferiu para o UOL. Juntamente com equipe da Folha, ganhou o Grande Prêmio Esso de Jornalismo 2012 e o Prêmio Embratel de Reportagem Esportiva 2012. Cobriu quatro Copas do Mundo e duas Olimpíadas.

12/03/2021 15h41

Flamengo e Red Bull Bragantino negociam o empréstimo com obrigação de compra do zagueiro Natan, como noticiado ontem pelo UOL. A transferência não está fechada, mas a tendência é que se concretize. No total, envolve o pagamento de 4 milhões de euros (R$ 27 milhões) por 60% dos direitos. O clube rubro-negro manteria um percentual pouco acima de 10% sobre a futura venda.

Natan é zagueiro da base do Flamengo e passou a jogar nos profissionais no Brasileiro-2020. Na temporada regular, era o primeiro reserva da zaga de Rodrigo Caio e Gustavo Henrique, que ainda tinha Arão como opção. Nesta temporada, o clube carioca contratou ainda Bruno Vianna para a posição.

O Red Bull propôs um empréstimo com obrigação de compra se o atleta atuar em determinado número de jogos. A meta é considera fácil de ser atingida pelas partes.

O empréstimo gira em torno de 600 mil euros. Com a compra definitiva, que seria concluída em dezembro, o Flamengo levaria o total de 4 milhões de euros (R$ 27 milhões) pelos 60% dos direitos que detém. Ainda manteria um percentual acima de 10% em uma negociação futura.

O Flamengo precisa vender R$ 90 milhões em jogadores até o final do ano pelo orçamento. A venda do atleta para o Red Bull, portanto, cumpriria quase um terço da meta de negociações do clube. Isso poderia poupar a negociação de um titular no meio do ano. O clube ainda está com problemas de receitas em outras áreas, sem bilheteria, queda do sócio-torcedor e de patrocínio por conta da pandemia de coronavírus.

O Flamengo e o Red Bull Bragantino, no entanto, ainda negociam os termos da transferência. Há grande chance de a ida do zagueiro para o time paulista ser concluída, mas não está fechado.