PUBLICIDADE
Topo

Rafael Reis

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Com novo contrato, Vini Jr. será o 8º brasileiro mais bem pago; veja lista

Vinicius Júnior terá aumento no Real depois de temporada dos sonhos - Susana Vera/Reuters
Vinicius Júnior terá aumento no Real depois de temporada dos sonhos Imagem: Susana Vera/Reuters
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

15/05/2022 04h00

Autor de 21 gols e responsável por 20 assistências nesta temporada, Vinícius Júnior será recompensado pela diretoria do Real Madrid pelo papel determinante que teve na conquista do Campeonato Espanhol e na classificação do time para a final da Liga dos Campeões da Europa.

De acordo com o diário esportivo "Marca", o jovem atacante está na reta final das negociações para renovar seu contrato até 2028, ou seja, por quatro temporadas a mais do que o seu vínculo atual.

E, com o polpudo aumento que irá receber para permanecer conectado ao clube até o finalzinho da década, a cria das categorias de base do Flamengo se transformará no oitavo jogador brasileiro mais bem pago do planeta.

A oferta do Real para Vini Jr. prevê que seu salário anual saltará dos atuais 3,2 milhões de euros (R$ 16,9 milhões), valor que recebe desde que desembarcou na Europa, quatro temporadas atrás, para a casa dos 10 milhões de euros (R$ 52,7 milhões).

Com isso, o atacante de 21 anos superará os rendimentos de Casemiro (9,5 milhões de euros, ou R$ 50 milhões) e se tornará o segundo brasileiro mais bem pago do elenco do clube mais vitorioso da Espanha, atrás apenas do capitão Marcelo, que ganha 16 milhões de euros (R$ 84,3 milhões).

O representante do futebol pentacampeão mundial mais bem remunerado no planeta é Neymar, que recebe 48,5 milhões de euros (R$ 202,8 milhões) a cada 12 meses do Paris Saint-Germain. Considerando também suas outras fontes de receita, ele faturou US$ 95 milhões (R$ 480,7 milhões) ao longo do último ano.

Os outros dois integrantes do pódio são os meias Oscar e Philippe Coutinho, que ganham exatamente o mesmo salário: 24 milhões de euros (R$ 126,4 milhões) a cada temporada.

O primeiro é o jogador mais bem pago da China. Já o segundo perderá 70% do seu faturamento a partir de julho, quando o Aston Villa assumir responsabilidade integral sobre o seu salário (atualmente, divide os custos com o Barcelona, que acertou a venda do atleta aos ingleses na semana passada).

Além do trio e de Marcelo, outros três jogadores tupiniquins faturam mais do que o Real ofereceu a Vinícius Júnior: o zagueiro Marquinhos, do PSG, e os companheiros de Liverpool Fabinho e Roberto Firmino. O primeiro ganha 14,5 milhões de euros (R$ 76,4 milhões). Os outros dois, 11,5 milhões de euros (R$ 60,6 milhões).

Campeão espanhol com quatro rodadas de antecipação, o Real ainda tem mais duas partidas para encerrar sua participação na competição nacional. Hoje, a partir das 14h30 (de Brasília), visita o Cádiz. E, no próximo domingo, recebe o Betis.

Esses compromissos servirão como "amistosos de luxo" na preparação do time merengue para o jogo mais importante da temporada, a final da Liga dos Campeões, contra o Liverpool, marcada para o próximo dia 28, no Stade de France, em Saint-Denis, nos arredores de Paris.

A equipe de Vini Jr. é a maior vencedora da história da Champions, com 13 títulos. Já o seu adversário na final deste ano ocupa a terceira colocação nesse ranking e levantou a "Orelhuda" em seis oportunidades.

Essa será a terceira decisão do torneio interclubes mais badalado do mundo entre "merengues" e "Reds". Em 1980/81, o Liverpool levou a melhor ao vencer por 1 a 0. O troco foi dado quatro temporadas atrás, quando o Real desbancou os ingleses por 3 a 1.

Brasileiros com maior salário no futebol mundial

1 - Neymar (Paris Saint-Germain): 48,5 milhões de euros/ano
2 - Oscar (Shanghai Port): 24 milhões de euros/ano
Philippe Coutinho (Barcelona): 24 milhões de euros/ano
4 - Marcelo (Real Madrid): 16 milhões de euros/ano
5 - Marquinhos (Paris Saint-Germain): 14,5 milhões de euros/ano
6 - Fabinho (Liverpool): 11 milhões de euros/ano
Roberto Firmino (Liverpopl): 11 milhões de euros/ano
8 - Vinícius Júnior (Real Madrid): 10 milhões de euros/ano*

*valor da proposta de renovação do contrato feita por seu clube