PUBLICIDADE
Topo

Blog do Perrone

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Regulamento não prevê adiamento por covid-19 no Paulista e fala em W.O.

Cássio no treino do Corinthians  - Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Cássio no treino do Corinthians Imagem: Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Perrone

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

02/03/2021 17h51

Com Yago Rudá, do UOL, em São Paulo

O regulamento geral das competições da Federação Paulista de Futebol, seguido no campeonato estadual, não prevê adiamento por jogos em caso de surto de covid-19. Pelo contrário, existe a possibilidade de ser aplicado o w.o., com a vitória sendo dada para o adversário, caso uma equipe não consiga entrar em campo por conta do alto número de jogadores infectados.

Como revelou o UOL Esporte, o Corinthians suspeitava de um surto no clube. O problema se confirmou após os exames serem repetidos. De acordo com nota divulgada pelo alvinegro, oito jogadores e 11 colaboradores testaram positivo.

Antes da confirmação, a diretoria avisou informalmente a FPF sobre o problema e cogitou pedir o adiamento do jogo com o Palmeiras, nesta quarta (3). Porém, a decisão final é não solicitar a mudança.

O blog apurou que dificilmente a mudança ocorreria, caso fosse pedida, principalmente por falta de amparo no regulamento.

O quarto parágrafo do artigo primeiro fala sobre o que acontece caso um time provoque a não realização de um jogo por falta de jogadores em condições de saúde para jogar.

"A equipe que causar a não realização de uma partida por descumprimento dos Protocolos de Treinamentos e de Operação de Jogos, a exemplo da falta de Atletas em condições de saúde para sua disputa, será punível com W.O., sem prejuízo de eventual sanção disciplinar, após oportuna apreciação do caso pela Justiça Desportiva", diz o regulamento geral das competições.

O parágrafo quinto do mesmo artigo, no entanto, deixa brecha para mudanças no regulamento com o seguinte texto: "em razão de casos fortuitos ou de força maior, tais como a ocorrência excepcional de pandemia, este RGC (Regulamento Geral das Competições), se necessário, poderá ser alterado, com amparo nas leis e de acordo com as determinações das autoridades competentes".

Vale lembrar que a data do dérbi foi mantida apesar de o Palmeiras disputar no domingo a segunda partida da final da Copa do Brasil com o Grêmio.

Os corintianos que testaram positivo são os goleiros Cássio e Guilherme, os laterais Fágner e Fábio Santos, o zagueiro Raul Gustavo, os meio-campistas Gabriel e Ramiro e o atacante Cauê.

Se inscreva no canal do Ricardo Perrone no YouTube

Blog do Perrone