PUBLICIDADE
Topo

Milly Lacombe

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Quem gosta de futebol gosta de ver o Fluminense de Diniz jogar

German Cano comemora gol do Fluminense sobre o Corinthians pelo Brasileirão - Thiago Ribeiro/AGIF
German Cano comemora gol do Fluminense sobre o Corinthians pelo Brasileirão Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF
só para assinantes
Milly Lacombe

Milly Lacombe, 53, é jornalista, roteirista e escritora. Cronista com coluna nas revistas Trip e Tpm, é autora de cinco livros, entre eles o romance O Ano em Que Morri em Nova York. Acredita em Proust, Machado, Eça, Clarice, Baldwin, Lorde e em longos cafés-da-manhã. Como Nelson Rodrigues acha que o sábado é uma ilusão e, como Camus, que o futebol ensina quase tudo sobre a vida.

Colunista do UOL

02/07/2022 18h50

É um prazer ver o Fluminense de Fernando Diniz jogar. Um time que joga fácil, joga avançado, toca rápido. Um time que tem o único meia clássico do futebol brasileiro e que, em grande fase, faz o jogo ficar mais bonito e mais imprevisível.

Não é preciso torcer para o Fluminense para apreciar o que o time faz em campo. É bonito demais de se ver.

Se Diniz tiver abandonado de vez o comportamento descontrolado e abusivo à beira do gramado, é uma questão de pouco tempo para que ele conquiste os títulos que já faz por merecer. Cuca era esse treinador - que montava bons times e não conquistava campeonatos - até começar a conquistar.

Quem gosta de futebol, gosta de ver o Flu de Diniz jogando.

A torcida tricolor, presente em bom número ao Maracanã, pôde presenciar, além de uma goleada e do jogo bonito, o gol 199 de Fred. Foi um dia memorável e comovente para quem torce para o Fluminense, especialmente para quem esteve nesse 2 de julho no Maracanã.

É demorado construir um time vencedor que seja muito mais do que um poderoso sistema defensivo. Leva tempo, exige paciência. O Fluminense está em processo de formação. É um grande time em construção e pode ser a equipe que elevará Diniz a uma outra categoria de treinador.