PUBLICIDADE
Topo

Receba os novos posts desta coluna no seu e-mail

Email inválido
Seu cadastro foi concluído!
reinaldo-azevedo

Reinaldo Azevedo

mauricio-stycer

Mauricio Stycer

josias-de-souza

Josias de Souza

jamil-chade

Jamil Chade

Danilo Lavieri

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Palmeiras joga pouco e faz só obrigação ao avançar na Copa do Brasil

Danilo Lavieri

Danilo Lavieri começou a carreira em 2008 e trabalha com futebol desde 2010. Já cobriu Copa, Olimpíada, escreveu a biografia do goleiro Marcos (Nunca Fui Santo) e ganhou prêmio de furo do ano da Aceesp em 2019.

Colunista do UOL

11/05/2022 20h54

O Palmeiras não foi bem, mas avançou na Copa do Brasil ao vencer a Juazeirense. Mesmo com força máxima, a equipe paulista conseguiu ser vazada e só foi fazer o gol da vitória por 2 a 1 na reta final da partida, de pênalti, com Raphael Veiga. Danilo tinha feito o primeiro após ótimo primeiro tempo. Desempenho à parte, a equipe cumpriu sua obrigação e ainda embolsou R$ 3 milhões ao passar de fase.

Abel Ferreira surpreendeu ao escalar o que tinha de melhor para a partida pela terceira vez consecutiva. A sequência começou na altitude, passou pelo jogo do fim de semana contra o Fluminense e terminou no de hoje.

Talvez por isso e também pela falta de intensidade que já virou costume para essa equipe em partidas de menos expressão, o torcedor que foi ao estádio em Londrina pode até comemorar o triunfo, mas não saiu de lá cansado de tanto comemorar.

Fica a atenção para mais um gol sofrido praticamente da mesma forma que foi contra o Fluminense. Com 1 a 0 a seu favor e a vantagem de ter vencido na ida, o time deixou um buraco grande o suficiente para sofrer contra-ataque novamente pela esquerda, em cima de Jorge, que parece não estar na sua melhor condição física.

É curioso como essa equipe atua com muito mais intensidade e concentração em partidas maiores ou até mesmo na Libertadores, quando é escalada com reservas. A questão é que mesmo em jogos com adversários mais fracos, sempre há a chance de o melhor ser eliminado. Basta lembrar do CRB no ano passado.

Siga também as opiniões de Danilo Lavieri no Twitter, no Instagram e no TikTok