PUBLICIDADE
Topo

Danilo Lavieri

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Ceni foi inspiração em busca de técnico que converteu Fortaleza em sensação

Técnico do Fortaleza, Vojvoda conquistou primeiro título da carreira - Leonardo Moreira /FortalezaEC
Técnico do Fortaleza, Vojvoda conquistou primeiro título da carreira Imagem: Leonardo Moreira /FortalezaEC
Danilo Lavieri

Danilo Lavieri começou a carreira em 2008 e trabalha com futebol desde 2010. Já cobriu Copa, Olimpíada, escreveu a biografia do goleiro Marcos (Nunca Fui Santo) e ganhou prêmio de furo do ano da Aceesp em 2019.

Colunista do UOL

15/06/2021 04h00

Líder do Brasileirão, o Fortaleza é a grande sensação do momento. Além de ter vencido o Inter, o Sport o Atlético-MG, a equipe do Ceará comemora também ter eliminado o arquirrival na Copa do Brasil, sem nem contar o título do Estadual. Internamente, o técnico argentino Juan Pablo Vojvoda é apontado como um dos maiores responsáveis por isso. O acerto com ele, curiosamente, foi inspirado no modelo de jogo de Rogério Ceni.

O hoje técnico do Flamengo deixou saudades no Leão do Pici e foi usado como exemplo pelo presidente da equipe nordestina, Marcelo Paz, como ele mesmo revelou em entrevista ao blog.

Vojvoda tinha como seu último trabalho o Unión La Calera, do Chile, e nunca tinha sido campeão como técnico. A sua primeira conquista foi no Cearense. Ele também já havia treinado outras equipes argentinas, mas nunca tinha tido sucesso. Seu nome apareceu no Fortaleza logo após outras negociações não terem engrenado.

"Com a saída do Enderson Moreira, a gente entendeu que tinha que procurar um perfil de treinador, no aspecto de ser agressivo, que o time jogasse para frente, finalizasse bastante e buscasse a vitória, claro, com o equilíbrio. Queríamos buscar ideias novas, lembrando o que a gente viveu com Ceni. Tentamos o Diniz, não deu certo. E aí a gente achou o nome dele na análise de desempenho, estudamos o modelo de jogo e vimos que era o que a gente queria", lembrou o cartola.

Como já havia mostrado o blog, o Santos chegou a tentar a contratação do argentino, mas como o acerto com o Fortaleza já estava encaminhado, ele manteve a palavra. Paz prefere não revelar o nome da equipe, mas confirma que houve tentativa de um clube brasileiro.

"Nós conversamos com o Vojvoda por mais de uma semana, entre ele conhecer a gente, trocar informações. No dia que a gente foi anunciar, a gente soube de um outro time do Brasil procurando ele, mas nada que atrapalhasse o que já estava praticamente certo", relembrou.

Marcelo Paz diz ter se impressionado com a comissão técnica do argentino e contou que o novo preparador físico já fez até ajustes na alimentação dos atletas em parceria com os nutricionistas. O presidente também admitiu que irá em busca de reforços pedidos por ele assim que a janela internacional reabrir em agosto.

"A adaptação está muito boa e ele gostou muito da nossa equipe de desempenho. No dia a dia, a gente tem estudado os adversários, ele está conhecendo os nomes e tudo mais. Na palestra, ele já mostra muito conhecimento do adversário, das características dos atletas e até dos reservas. Claro que ele enfrenta novidades de viagens, logística, de estádio e essas coisas. Ele tem se buscado se adaptar ao idioma também", explicou.

"Ele tem trazido conceitos em parte de preparação e alimentação. O preparador que ele trouxe tem tido bons diálogos com pessoal da nutrição e fisioterapia. Ele mudou alguns protocolos também e agora estamos pensando em reforçar o elenco com a reabertura da janela em agosto", finalizou.