PUBLICIDADE
Topo

Como Argo aventureiro foi 'transformado' em novo SUV da Fiat

Vitor Matsubara

Colaboração para o UOL, de São Paulo (SP)

05/05/2021 04h00

Resumo da notícia

  • Projeto conhecido como 363 aproveita algumas peças do Argo
  • Carro tem estilo próprio com faróis e lanternas exclusivos
  • SUV terá motor 1.0 turbo de aproximadamente 130 cv

O novo SUV da Fiat não é mais segredo para ninguém. Depois de vários meses de mistério e uma série de teasers, a marca revelou o visual do carro.

E o palco da apresentação foi justamente a casa do Big Brother Brasil (BBB 21), cuja final aconteceu na noite de ontem (4). A escolha não se deu por acaso, já que a marca é patrocinadora do programa e o veículo será um dos prêmios da vencedora Juliette.

Falta saber apenas qual será o nome do tal "Progetto 363", que será escolhido por votação popular. São três opções: Tuo, Domo e Pulse.

Enquanto isso não acontece, UOL Carros revela como a Fiat "transformou" o Argo em um SUV compacto.

Poucas semelhanças

SUV da Fiat - Divulgação - Divulgação
Lanternas e tampa do porta-malas são exclusivas do SUV
Imagem: Divulgação

A receita não é exatamente inédita. Recentemente, algumas rivais aproveitaram a base de um projeto já existente para criar outro com cara nova - e mais importante: gastando menos.

Foi o que fizeram Honda (Fit e WR-V) e Volkswagen (Polo e Nivus), apenas para citar dois exemplos. A Fiat seguiu o caminho da rival alemã ao criar diversas peças exclusivas para seu novo SUV.

Assim, poucas partes foram herdadas do Argo. Do lado de fora, notamos para-brisas, portas, teto e para-lamas traseiros. Todo o resto é diferente do hatch.

A frente tem o capô mais alto e musculoso do que a peça do Argo. Os faróis possuem estilo próprio e opção de iluminação full LED, presente também na Strada Volcano. Aliás, o parentesco entre a picape e o novo SUV é bem menor do que se esperava.

Nas laterais, as molduras plásticas em volta do para-lamas lembram muito o estilo "parrudo" do Argo Trekking. Mas eles são ainda mais pronunciados para reforçar a sensação de imponência. A Fiat entrou na onda dos carros com pintura em dois tons e aplicou uma pintura preta na parte superior do carro.

Atrás, o aerofólio que já é pronunciado no Argo ficou ainda maior no SUV. As lanternas, que são exclusivas do 363, também se diferenciam do hatch, assim como toda a tampa do porta-malas. Note, porém, que a posição do conjunto óptico foi mantida. Isso ocorre porque a Fiat substituiu apenas a parte externa da tampa, preservando toda a parte interna do Argo.

Cabine nova e motor turbo

Nada foi revelado oficialmente sobre o interior. Entretanto, sabe-se que várias peças também serão exclusivas do 363, como o volante. O que não mudará em relação ao Argo é a posição de cada peça da cabine: central multimídia, saídas de ar e comandos de ar-condicionado ficam onde estão.

Foi o que a Fiat fez com Strada e Mobi, por exemplo. E isso ajuda a dar uma cara nova sem deixar de economizar custos.

Está confirmado que o 363 terá a inédita motorização 1.0 turbo da família GSE. A potência será de aproximadamente 130 cv com torque acima de 20 kgfm.

Nas versões com motor 1.3 aspirado, o SUV poderá vir com transmissão do tipo CVT. Por enquanto, essa caixa não está disponível em nenhum carro da Fiat, mas equipará modelos como a Strada em um futuro breve.