Topo

Salão de Detroit


Salão de Detroit: Ford Shelby GT500 é o Mustang mais potente da história

Do UOL, em São Paulo (SP)

2019-01-15T07:00:00

15/01/2019 07h00

Nova versão superesportiva do cupê tem V8 "com mais de 700 cavalos", segundo a fabricante

Fãs de Mustang já sabem: nenhuma geração do pony car está completa sem a versão Shelby GT500. Pois ela finalmente apareceu em grande estilo no Salão de Detroit 2019, nesta segunda-feira (14).

Ninguém na Ford esconde que o novo bólido nasceu para desafiar (e quem sabe até superar) Chevrolet Camaro ZL1 e Dodge Challenger Hellcat. Prova disso é o motor 5.2 V8 equipado com um gigantesco Supercharger de 2,65 litros -- maior do que os presentes nos dois rivais.

Embora a fabricante não tenha divulgado números, sabe-se que o novo GT 500 é capaz de entregar "mais de 700 cv", precisando de três segundos para acelerar de 0 a 96 km/h e menos de 11 segundos para completar a distância de quarto de milha (famosa pelas provas de arrancada) -- o equivalente a 402 metros. São estes números que fazem a Ford classificar o Shelby GT500 como o Mustang "com menor tempo de aceleração entre os automóveis de passeio e o mais moderno da história".

A transmissão é uma automática de dupla embreagem com sete marchas, responsável por enviar potência às rodas traseiras por meio de um eixo de transmissão feito de fibra de carbono. A Ford afirma que as trocas de marcha são realizadas em menos de 100 milissegundos e o carro oferece um seletor com quatro modos de condução: Normal, Sport, Drag (indicado para arrancadas) e Track (para uso em pista). Os modos de controle de largada e o Line Lock, função que faz o veículo fritar os pneus no lugar (o popular burnout), também são oferecidas no GT500.

É de corrida?

Não é só na cavalaria que o Shelby GT500 impressiona. O chassi traz suspensão com nova geometria, molas mais leves, amortecedores magnéticos de nova geração e uma nova caixa de direção com assistência elétrica. O sistema de freios tem discos com pinças com seis pistões fornecidos pela Brembo, marca italiana especializada em freios de alto desempenho.

A Ford oferece ainda duas opções de pacotes de assistência à condução. O Handling Package inclui suspensão ajustável e um novo spoiler com o Gurney Flap, uma pequena lâmina na extremidade do aerofólio que melhora a estabilidade nas curvas e diminui o arrasto aerodinâmico, solução esta muito utilizada em carros de corrida. Já o Carbon Fiber Track Package inclui rodas de fibra de carbono de 20 polegadas calçadas com pneus Michelin Pilot Sport Cup 2 feitos especialmente para o veículo, asa ajustável, spoiler dianteiro com apêndices aerodinâmicos de fibra de carbono e apenas dois bancos dianteiros.

O design do Shelby GT500 teve a ajuda de engenheiros da Ford Performance, fazendo com que o fluxo de ar na dianteira tenha melhorado 50% em relação ao GT350. Os para-lamas foram alargados para acomodar as rodas maiores e o carro ganhou um novo aerofólio. Por dentro, o carro traz fibra de carbono por todos os lados e opcionalemente pode vir com bancos do tipo concha fornecidos pela Recaro.

As vendas do Shelby Mustang GT500 começam no segundo semestre nos Estados Unidos, quando a Ford promete divulgar preços e mais informações.

Mais Salão de Detroit