PUBLICIDADE
Topo

Demanda por veículos elétricos na Europa deve impulsionar lítio

Demandas por veículos eléticos como o BMW i3, deve impulsionar lítio  - Divulgação
Demandas por veículos eléticos como o BMW i3, deve impulsionar lítio Imagem: Divulgação

Yvonne Yue Li

10/08/2020 19h58

Consumidores europeus têm recebido fortes incentivos para comprar carros elétricos, projetos de mineração são adiados e algumas montadoras retomam as operações.

Na opinião da Albemarle, maior produtora mundial de lítio, esses fatores devem tirar o metal do marasmo.

Apesar dos atrasos em mineração bem como reaberturas de algumas montadoras após os bloqueios causados pelo coronavírus, os preços do metal usado em baterias de veículos elétricos permanecem no menor nível dos últimos anos. Mas o responsável da unidade de lítio da Albemarle diz que os fortes incentivos para consumidores comprarem veículos elétricos na Europa, bem como mudanças para encorajar montadoras a fabricar veículos mais verdes no mundo todo, ajudarão a demanda por lítio.

"É realmente uma história europeia e uma história regulatória", disse Eric Norris, da Albemarle. "E, na China, eles estenderam os subsídios por alguns anos em vez de deixar o programa expirar - esse era o plano original -, então a China secundariamente será um contribuinte", disse Norris em entrevista.

A Europa supera outras regiões no incentivo de políticas verdes na resposta à Covid-19, de acordo com a analista Victoria Cuming, da BloombergNEF. "Os estados aprovaram US$ 43 bilhões para energias renováveis, veículos elétricos e outras tecnologias de baixo carbono, e mais US$ 18 bilhões para setores intensivos em carbono, mas com restrições relacionadas ao clima", disse Cuming em relatório de julho.

A Albemarle, com sede em Charlotte, Carolina do Norte, disse que suspendeu temporariamente a produção de algumas unidades de bateria de lítio devido à demanda mais fraca e maior estoque na cadeia de abastecimento. A empresa também espera que o lucro do terceiro trimestre da unidade de lítio seja revisado para baixo por causa dos menores pedidos de montadoras.

Então, quando o crescimento da demanda por lítio deve retornar?

"Muito rapidamente", disse o CEO da Albemarle, Kent Masters, na mesma entrevista. "Provavelmente será por volta do final de 2021."