PUBLICIDADE
Topo

Jorge Moraes

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Caoa Chery amplia gama e lançará o provável elétrico mais barato do Brasil

Divulgação
Imagem: Divulgação
só para assinantes
Jorge Moraes

Jornalista, Jorge Moraes trabalha com o segmento automotivo desde 1994. Presente nos principais salões internacionais, é editor do caderno de Carros no Diário de Pernambuco, diretor e apresentador do programa Auto Motor na Band, e âncora do programa CBN Motor na rádio CBN Recife.

Colunista do UOL

07/06/2022 16h01

Em tempo, UOL Carros antecipou a aposta da Caoa Chery na eletrificação de todos os seus produtos de Anápolis (GO), mais o Arrizo 6. A aposta da empresa também não se resume ao time dos SUVs e o seu sedã médio: Tiggo 8, Tiggo 7 e o 5X vão ganhar dois caçulas na família.

O primeiro será o nacional Tiggo 8 Pro (híbrido com autonomia entre 80 a 100 km - estão calibrando o número final) e o importado subcompacto urbano EQ1. É um carro que tive a oportunidade de conhecer na China, antes da pandemia, na geração anterior a atual, e que será exibida na próxima terça-feira em São Paulo.

  • O UOL Carros agora está no TikTok! Acompanhe vídeos divertidos, lançamentos e curiosidades sobre o universo automotivo.

A Caoa Chery apostará no city car com a missão de ser o modelo mais barato da marca e 100% elétrico. Informações preliminares dão conta que o range vai bater a casa dos 250 km com sobra.

Chery EQ1 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

O modelo amplia o portfólio da montadora e reforça o norte da eletrificação dos seus produtos, híbridos leves (5X, 7 e Arrizo), plug-in e elétricos no Brasil.

A segunda novidade da noite virá para disputar diretamente com Renault Kwid e JAC E-JS1, de menor expressão, ambos elétricos e compactos.

Com duas portas e capacidade de transportar até quatro pessoas, o veículo terá um preço estimado de R$ 135 mil até R$ 150 mil, uma vez que o modelo atual mais barato, o da JAC, possui esse preço.

Chery EQ1 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

O EQ1 já circulava em testes no Brasil com o motor elétrico de 55 Kwh, capaz de desenvolver até 75 cv de potência. Segundo a marca, a velocidade máxima é de até 120 km/h.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.