PUBLICIDADE

Topo

Tony Ramos sobre manter boa memória: 'Profissão e humor me ajudam'

Do VivaBem, em São Paulo

17/11/2021 10h32

Durante bate-papo de VivaBem sobre a importância de manter a mente ativa para chegar à velhice com bem-estar e boa capacidade cognitiva, o ator Tony Ramos, 73, compartilhou o que acredita ser mais importante especificamente para continuar com a memória afiada.

"Na nossa profissão, a Rosamaria [Murtinho] também poderá complementar, estamos trabalhando há muitos anos com memorização, com ler e aprender os textos... Lemos a abertura e o final de um parágrafo, mas aprendemos também o que está nas entrelinhas. Aquilo tem que estar de forma natural, a partir da mente preenchida com os textos você tem que colocá-los em prática. O 'vamos passar o texto' [treino feito por atores] é um exercício por si só", compartilhou ele, acrescentando que também faz palavras cruzadas, "um belíssimo exercício para memória", durante seu tempo livre.

Outro fator que ajuda o ator a manter uma boa memória, segundo ele, é viver com leveza. "O humor é fundamental. Não se levar tão a sério, não se colocar em um pedestal... Acho que tudo isso faz parte de ter uma boa memória."

A idade, para Tony, não define completamente a capacidade da mente de uma pessoa. "Tem muito vovô de 90 que dá um banho em garotão de 30, intelectualmente falando. Oferecem mais soluções práticas para problemas que a vida oferece."

O debate faz parte da campanha Ginástica Para o Cérebro, que apresentará conteúdos especiais nos canais oficiais de VivaBem (site e redes sociais, como Instagram, Facebook e Twitter), entre os dias 16 e 21/11. Siga e use a #HackeieSeuCérebro para fazer parte dessa campanha.