PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Escreva um diário, caminhe: veja dicas para se sentir melhor na pandemia

iStock
Imagem: iStock

Bruna Alves

Do Vivabem, em São Paulo

09/01/2021 12h20

Desde o início da pandemia, a vida mudou drasticamente por medidas que foram impostas para tentar conter a disseminação do novo coronavírus. Distanciamento social, fechamento das escolas e comércios não essenciais, home-office, enfim.

E com tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo, o surgimento de problemas psicológicos e até físicos aumentaram muito. Mas o que fazer para tentar conter a tensão nesse momento? Vivabem selecionou 10 dicas para ajudar a melhorar a saúde mental e física. Veja abaixo:

1. Saia e tome um pouco de sol

Especialistas afirmam que se sair ao ar livre respeitando o distanciamento social mínimo de dois metros de distância e usar máscara fácial, o contágio pelo coronavírus é quase nulo.

Portanto, saia um pouco de casa e tome um banho de sol, pois ele traz muitos benefícios para a saúde, especialmente a vitamina D. Além disso, espaços verdes ajudam a reduzir a pressão arterial, frequência cardíaca, a acalmar e melhorar o humor.

2. Seja ativo ao longo do dia

Mesmo que você não possa sair e se movimentar como antes, estabeleça metas e não fique o dia inteiro sentado em frente ao computador. O sedentarismo aumenta o risco de doenças cardiovasculares.

Coisas simples do dia a dia podem fazem toda a diferença: tire alguns minutos para brincar com as crianças, faça uma leve caminhada ou algum tipo de exercício físico como dança ou pular corda.

3. Converse

Embora o distanciamento social seja regra básica para conter o avanço da covid-19, mensagens de texto e ligações estão liberadas.

Ligue, conversa com a família, vizinho e amigos. Mande mensagens. Esses pequenos gestos podem fazer diferença não só para você mas também para quem recebe. Eles ajudam a melhorar a autoestima, diminui a ansiedade e mantém as emoções equilibradas.

4. Estabeleça limites para as notícias

Muitas pessoas ficam estressadas ou até passam mal depois de ler ou assistir notícias ruins. Se esse for o seu caso, a primeira coisa que deve ser feita é estabelecer limites: escolha dias e horários para entrar nas redes sociais e exclua os aplicativos de notícias do celular, pelo menos por um tempo.

Veja coisas que te dão prazer, que você gostaria de fazer. Saia do automático e peça ajuda de alguém próximo para se manter firme no propósito.

5. Reserve um tempo para relaxar

Tome um banho mais demorado, beba um chá, leia um livro, ouça uma boa música. Estudos sugerem que a lavanda ajuda a acalmar, então borrife o perfume pela casa ou acenda uma vela com a fragrância.

6. Dê e receba ajuda

Todos vivem momentos difíceis, e o pensamento altruísta, isto é, pessoas que pensam no bem-estar dos outros, faz bem para quem o pratica. Por isso, procure ajudar quem mais precisa: faça uma doação de alimentos ou roupas, se ofereça para ir ao mercado, coloque-se à disposição.

7. Tente algo novo

Aproveite o tempo em casa para tentar algo novo. Há vários vídeos e sites que podem ajudar a aprender coisas novas, desde arte e jardinagem até programação de computadores.

Um novo interesse pode ajudar a te manter longe das preocupações desnecessárias. E pesquisas mostram que os hobbies fazem muito bem para a saúde.

8. Vá com calma

Não se cobre demais. Esta pode não ser a época mais produtiva da sua vida, e tudo bem. Você não precisa cozinhar melhor, iniciar novos projetos ou fazer atividade criativa com os filhos todos os dias.

Concentre-se no que é mais importante: você e sua família permanecerem saudáveis.

9. Escreva em um diário

Escrever pode ser uma boa forma de colocar os sentimentos para fora ou simplesmente registrar como a vida está agora. Um diário de gratidão pode ajudar a melhorar o humor. Vale tentar!

Pense no quadro em geral

Você não está sozinho nessa situação. A sua família, amigos e o mundo inteiro estão passando por medos, angústias e dores. Pensar na situação geral pode trazer um certo conforto e ajudar a focar no que realmente importa.

Fontes: Environmental Health Perspectives: "Benefits of Sunlight: A Bright Spot for Human Health"; Environmental Research: "The Health Benefits of the Great Outdoors: A Systematic Review and Meta-Analysis of Greenspace Exposure and Health Outcomes"; Scientific Reports: "Health Benefits from Nature Experiences Depend on Dose"; International Journal of Behavioral Medicine: "Sedentary Behavior and Depression Among Adults: A Review"; JAMA Cardiology: "Continuous Dose-Response Association Between Sedentary Time and Risk for Cardiovascular Disease: A Meta-analysis"; Scientia Pharmaceutica: "Influence of Fragrances on Human Psychophysiological Activity: With Special Reference to Human Electroencephalographic Response"; Frontiers in Psychology: "Helping Others, Warming Yourself: Altruistic Behaviors Increase Warmth Feelings of the Ambient Environment"; Craft Research: "Crafts as serious hobbies: Impact and benefits in later life"; American Journal of Alzheimer's Disease and Other Dementias: "Engagement in Reading and Hobbies and Risk of Incident Dementia: The MoVIES Project"; Heart and Vessels: "Enjoying hobbies is related to desirable cardiovascular effects"; Journal of Personality and Social Psychology: "Counting Blessings Versus Burdens: An Experimental Investigation of Gratitude and Subjective Well-Being in Daily Life".

Saúde