PUBLICIDADE

Topo

Mascne: uso de máscara pode favorecer a acne; saiba como amenizar efeito

iStock
Imagem: iStock
Katleen da Cruz Conceição

Médica dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia do Rio de Rio de Janeiro e especialista pela UFF (Universidade Federal Fluminense), é chefe do Ambulatório de Dermatologia Para Pele Negra da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro e do 1º Setor de Dermatologia Para Pele Negra do Grupo Paula Bellotti. Membro da Skin of Color Society e da Sociedade Brasileira de Laser, Katleen esteve à frente do Ambulatório de Dermatologia na Pele Negra e do Ambulatório de Acne e Peeling do Hospital Federal de Bonsucesso (RJ), onde adquiriu muita experiência com peeling e uso de lasers, principalmente na pele negra.

Colunista do UOL

12/10/2020 04h00

Hoje o assunto é a mascne, ou seja, as acnes que têm se formado no rosto por causa do uso constante de máscaras. Se você tem alguma dúvida, mande para mim no vivabemuol@uol.com.br.

O uso de máscara no calor pode favorecer o aparecimento de acne, pois o acessório, além de irritar a pele por causa do contato direto, ajuda no aumento da umidade e da oleosidade na região.

Quando você respira ou fala, sua máscara tende a reter muito ar quente. Além de irritante, esse ar cria um ambiente quente e úmido, fazendo com que as glândulas sebáceas aumentem a oleosidade da pele, justamente na região em que a máscara é utilizada. Ou seja, um cenário ideal para o aparecimento de acnes na região do queixo, mandíbula e toda região superior da maçã do rosto.

Para amenizar o problema, é preferível optar por materiais para macios como algodão ou seda, evitando tecidos que possam trazer maior irritação e atrito para a pele, como os sintéticos.

Além disso, procure utilizar a máscara de forma que não esteja apertada a ponto de machucar o rosto e troque-a com frequência: use-a por, no máximo, 3 horas.

Antes de usar a máscara, faça uma limpeza da pele com sabonete apropriado; se a sua pele for oleosa, use sabonetes com ácido salicílico, e se a pele for sensível, sabonetes com calêndula e camomila. Um tônico também é uma boa opção no caso de pele oleosa. Usar hidratante e filtro solar também continua sendo essencial.

Se a acne já apareceu, você deve intensificar a rotina de limpeza diária, usar tratamentos específicos para essa região e, se for necessário, até fazer uso de antibioticoterapia —que é o tratamento de pacientes com sinais e sintomas clínicos de infecção pela administração de antimicrobianos.

E dá para usar maquiagem e máscara? Pode usar desde que você cuide da sua pele de forma adequada com a limpeza com sabonete e uso de tônicos ou hidratantes para evitar a oleosidade e a acne.

Outro ponto que merece atenção: trate sua máscara como uma roupa íntima. Lave após o uso para que o seu rosto não fique em contato direto com o suor, sujeiras e bactérias do dia a dia. Esse processo também é fundamental para o controle de infecções.

Dicas úteis

  • A pele deve estar sempre limpa ao colocar a máscara, ou seja, lave o rosto duas vezes ao dia --nem mais, nem menos-- com sabonete específico para seu tipo de pele;
  • Evite tomar banho com água muito quente, para que não haja um rebote de oleosidade;
  • Hidrate o rosto com um creme próprio para a região facial, dessa forma, é possível evitar o atrito e pressão na pele;
  • No fim do dia, ao tirar a máscara, lave o rosto com sabonete apropriado e realize o skincare orientado pelo seu dermatologista.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.