Topo

Coluna

Adriana Miranda


Adriana Miranda

As estratégias que uso para manter a barriga definida mesmo após os 60 anos

Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal
Adriana Miranda

Aos 62 anos, ela é palestrante e entusiasta da vida saudável e das atividades físicas. Procuradora aposentada do estado de São Paulo, está sempre em busca de segredos para ter mais disciplina, foco e determinação, para manter a saúde física e um estilo de vida leve e positivo.

Colunista do UOL VivaBem

10/04/2019 04h00

Acredito que muita gente gostaria de ter um abdome definido! Mas essa não é uma tarefa fácil! Existe um caminho longo e árduo para chegar lá. Não existe ganho sem esforço e uma boa dose de sacrifício.

Não se pode atribuir a definição muscular somente à genética! É claro que a genética ajuda, mas não é suficiente. Para desenhar o abdome, não basta simplesmente fazer exercícios abdominais. É preciso, antes de tudo, gastar a gordura que fica por cima do músculo, a famosa "pancinha" ou "pochete". Não adianta se matar em treinos localizados.

Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal
Assim, dois fatores são fundamentais para conseguir um abdômen definido: perder gordura corporal e fortalecer os músculos abdominais.

Ter uma barriga "tanquinho" requer dedicação, tempo e paciência! Hoje, mostro algumas dicas que sigo para conseguir esse objetivo.

- Fujo dos alimentos gordurosos, industrializados, dos embutidos, do açúcar, refrigerantes e álcool em excesso! O ideal é emagrecer com saúde, por meio de uma reeducação alimentar, porque, perder peso rápido, com dietas milagrosas, não tem chance de sucesso em longo prazo.

- Mantenho o abdômen, sempre que possível, contraído. A postura é muito importante porque ajudar a deixar o músculo firme.

- Faço exercício aeróbico (geralmente elíptico) três vezes por semana, por pelo menos 35 minutos. Esse tipo de atividade proporciona um grande gasto calórico.

Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal
- Como de três em três horas. Faço tês grandes refeições e dois lanchinhos intermediários diariamente. No jantar, como alguma coisa bem leve. Lembre-se que um emagrecimento saudável requer o controle da qualidade, quantidade e dos horários. Sei que tem muita gente com abdome definido que faz outros tipos de dieta, como jejum intermitente, dieta paleo etc. Mas comer de três em três horas é ??????o que funciona para mim.

- Faço musculação cinco vezes por semana. Levantar peso é fundamental também porque quanto mais massa muscular seu corpo tiver, mais caloria ele queima, mesmo em descanso! Além disso, fazer só exercícios aeróbicos, sem praticar musculação, posso perder massa muscular.

- Realizo exercícios específicos para o abdômen, dia sim, dia não. Faço não só abdominais, como também exercícios que trabalham o core (região formada por lombar, quadril e abdome), como prancha abdominal.

Ter um abdômen definido requer esforço, dedicação, disciplina e também paciência, mas, no final das contas, vale a pena! Com certeza!

*Adriana Miranda (@adrianammiranda) é palestrante e, aos 62 anos, é entusiasta da vida saudável e das atividades físicas. Está sempre em busca de segredos para ter mais disciplina, foco e determinação, para manter a saúde física e um estilo de vida leve e positivo.

SIGA O UOL VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook - Instagram - YouTube

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Mais Adriana Miranda