PUBLICIDADE

Topo

Sexo

Sugador e vibrador 'diferentão': testamos os sex toys mais vendidos de 2021

Se o seu lance for penetração e fricção, este aqui é o sugador indicado para você - Gabriela Cais Burdmann
Se o seu lance for penetração e fricção, este aqui é o sugador indicado para você Imagem: Gabriela Cais Burdmann

Júlia Flores

De Universa

31/12/2021 04h00

Sex toys são aliados poderosos para mulheres em busca de satisfação sexual. São com os brinquedos sexuais que muitas começam a criar coragem de explorar o próprio corpo e descobrir o que lhes dá prazer. Durante o isolamento causado por causa da pandemia da covid-19, em especial, o mercado erótico viveu um boom: só em 2020, mesmo com a crise econômica, o comércio de produtos sensuais teve um crescimento de 12% e movimentou R$ 2 bilhões no Brasil, segundo números da Associação Brasileira de Empresas do Mercado Erótico (Abeme).

Antenada no movimento, a redação de Universa fez um review de alguns dos vibradores mais vendidos de 2021. A lista com os "top produtos do ano" foi compartilhada pelo sex shop Exclusiva. Além de sugadores — acessório erótico sensação do momento — bullets e vibradores também marcaram sua presença no topo das vendas. Confira, a seguir, a opinião da nossa redação sobre os brinquedinhos:

Destaque do ano: Sugador de clitóris Satisfyer 2 Next Gen
Preço sugerido: R$ 539,90)

Sugador de clitóris Satisfyer 2 Next Gen - Divulgação  - Divulgação
Sugador de clitóris Satisfyer 2 Next Gen
Imagem: Divulgação

"O estimulador de clitóris que testei foi a prova de que autoconhecimento, informação e "encaixe" são sinônimo de prazer nunca antes sentido. No primeiro uso, não soube exatamente onde colocar, apesar de já ter usado vibrador em que a pulsação também era direcionada ao clitóris.Na segunda vez, tive mais paciência e entendi a proposta: o que ele fez por mim foi vibrar a região clitoriana de forma intensa e ritmada, mas só deu para sentir para valer a partir do nível 7 da vibração. Aqui entra o motivo pelo qual disse que ele me provou que saber o que está fazendo é muito importante:

No nível máximo de vibração, comecei a sentir uma onda de prazer pelas pernas e, por ter lido que o orgasmo pode ser mais "potente" quando continuamos a nos estimular, o mantive no mesmo lugar por mais alguns segundos. Resultado: não só tive o orgasmo como ele foi acompanhado de squirting, a ejaculação feminina que não tinha tido nem com parceiros nem na masturbação.

Há quem diga que o estimulador é um acessório sexual para quem já tem vibrador ou experimentou outros brinquedos antes; eu discordo. Do jeito certo, ele leva ao prazer de forma intensa e rápida. E isso qualquer pessoa pode (e deve!) viver.

Duas partes que levo em consideração (mas que não fazem com que eu não recomende o produto!): ele é tão rápido que não dá muito tempo para alinhar mente e corpo. Quando comecei a pensar no boy, já havia sentido a primeira onda de prazer. E funciona à pilha. É bom ter algumas na gaveta para repor rápido. - Nathália Geraldo, repórter de Universa

Para usar de casal: Sugador Satisfyer Pro2 Next Generation
Preço sugerido: R$ 859,90

Sugador Satisfyer Pro2 Next Generation - Divulgação  - Divulgação
Sugador Satisfyer Pro2 Next Generation
Imagem: Divulgação

"Apesar de ter muita sensibilidade no clitóris, nunca tinha usado um sugador. Na primeira vez que usei, sozinha, comecei a masturbação com os dedos, para entrar no clima, e parti para o brinquedo, mas errei começando por uma velocidade mais alta - o Satisfyer Pro 2 tem 11 ritmos diferentes de vibração.

Comigo, funcionou bem começar pela mais lenta e ir aumentando gradativamente. Demorei alguns segundos para curtir a sensação e logo percebi que a experiência duraria mais se eu fizesse pausas na vibração, colocando a tirando o sugador, ou ligando e desligando de tempos em tempos.

Numa segunda tentativa, usei a duas - minha namorada colocou em mim e depois continuou com oral. Ter usado a sugador antes do oral deixou o clitóris mais sensível, prolongou e melhorou a sensação. - Mariana Gonzalez, repórter de Universa

Diferentão: Vibrador Miss UU
Preço sugerido: R$ 629

Vibrador Miss UU - Divulgação  - Divulgação
Vibrador Miss UU
Imagem: Divulgação

"Com um formato, digamos, 'curioso', este vibrador mais parece um brinquedo infantil do que um produto erótico - e essa é parte da graça do Miss UU, Com nítidas referências à cultura do mangá, o aparelho funciona tanto quanto um sugador como um vibrador.

O bico de sucção (com 5 velocidades) fica na parte de frente do brinquedo, no rosto do pequeno esquilo, e o vibrador (com 10 modos) é o próprio rabo do animal. Como o aparelho foge do senso comum - não é um produto fálico, com cores fortes e chamativas — , a experiência fica ainda mais excêntrica.

Eu, como uma fã assumida de sugador de clitóris, gostei da experiência e da potência do produto." Júlia Flores, repórter de Universa

Para iniciantes: Vibrador Pretty Love Alvis
Preço sugerido: R$ 149,90

Vibrador Pretty Love Alvis - Divulgação  - Divulgação
Vibrador Pretty Love Alvis
Imagem: Divulgação

"Foi a primeira vez que usei um vibrador interno. Mesmo no clima, tive dificuldade de penetrar a primeira vez, então usei um lubrificante para diminuir o atrito entre a pele e o silicone, e funcionou bem.

Ele tem 30 tipos de vibração, que variam entre a parte de baixo, de cima (que estimula o clitóris) ou as duas ao mesmo tempo. Na prática fica difícil experimentar todas, ainda mais por ser só um botão de alternar.

Acabei ficando nos cinco primeiros tipos de vibração, mas gostei bastante. Apesar de funcionar à pilha, achei que compensa tanto pelo resultado, quanto pelo preço. Outra parte boa é que, se não estiver a fim de penetração, ele funciona só na parte externa da vulva também. - Ana Bardella, repórter de Universa

Para fãs de penetração: Vibrador Pretty Love Newman
Preço sugerido: R$ 219,90

Vibrador Pretty Love Newman - Divulgação  - Divulgação
Vibrador Pretty Love Newman
Imagem: Divulgação

"Eu amei! Gozo relativamente fácil com penetração, e se estimular o clitóris... fica perfeito! Juntando os dois tenho prazer na certa.

Para mim, o vibrador funcionou até melhor que o sugador. O único porém é que a mão cansa, e o botão para trocar a velocidade é pequeno - mesmo assim: já é meu brinquedo favorito.

Ao meu ver, poderia ter também uma versão recarregável do produto, porque esse é à pilha palito e se você se ela acabar do nada, você fica sem brincadeira" - Luiza Souto, repórter de Universa

Sexoterapia #62: Existe um sex toy perfeito pra você?

A sexóloga Ana Canosa e a editora de Universa Bárbara dos Anjos Lima recebem Nathalia Ziemkiewicz, jornalista e educadora sexual. Assista:

Sexo