PUBLICIDADE

Topo

A mensagem de cada carta do Tarô: veja o que os arquétipos podem ensinar

A mensagem de cada carta do Tarô: veja o que os arquétipos podem ensinar - Manik Roy
A mensagem de cada carta do Tarô: veja o que os arquétipos podem ensinar Imagem: Manik Roy

Camila Eiroa

Colaboração para Universa

07/08/2021 04h00

O Tarô é um oráculo muito antigo, um jogo de cartas composto por 78 lâminas, sendo 22 delas responsáveis por narrar a jornada d'O Louco, uma trajetória que reflete nossos próprios processos durante a vida.

Cada carta carrega uma lição específica, que nos tira da zona de conforto e nos encaminha a um novo horizonte. Abaixo, entenda a lição de cada arcano maior do Tarô e como eles podem nos ajudar em nosso dia a dia.

0 - O Louco

A bem-aventurança é o sobrenome d'O Louco, que sempre aparece acompanhado por um animal. Ele é aquele que diz: se joga, sem medo. Ainda que algumas coisas deem errado, as lições serão aprendidas e trarão amadurecimento.

I - O Mago

O Mago carrega consigo as capacidades criativas e intuitivas, além de trazer o elemento ar como fortalecedor da comunicação. É aquele que traz o poder do conhecimento como uma ferramenta poderosa para a autodescoberta. Mais do que isso, O Mago nos lembra: é preciso dedicação caso você queira amadurecer.

II - A Sacerdotisa

A Sacerdotisa conhece os mistérios das águas e, através deles, mergulha em seus sentimentos mais profundos para se conectar com a espiritualidade e obter uma intuição poderosa. Com isso, ela nos pede um resgate e um mergulho nas nossas emoções mais verdadeiras e viscerais.

III - A Imperatriz

A Imperatriz se mostra como uma figura segura, de espírito jovem e capaz de tomar decisões com o perfeito equilíbrio entre razão e emoção. Com isso, ela nos ensina que sempre devemos escolher o caminho do meio ao tomar algumas atitudes, priorizando o que sentimos e nossas capacidades de ação.

IV - O Imperador

O Imperador é aquela figura que tem plena consciência de suas capacidades. Sentado em seu trono, ele aparenta firmeza, poder e autoconfiança. Sendo assim, nos mostra que somos capazes de conseguir conquistar o que desejamos, desde que nos conectemos com nosso lado criador.

V - O Hierofante

Ele representa a conexão com a espiritualidade e a sabedoria que vem de um processo de amadurecimento. Por isso, o Hierofante nos mostra que as chaves dos conhecimentos nos são dadas após muita experiência e vivência. É uma figura que também cobra disciplina para que possamos evoluir efetivamente.

VI - Os Enamorados

Os Enamorados trazem a necessidade de tomarmos decisões importantes para direcionarmos os rumos da nossa vida. É um arquétipo que mostra que podemos nos basear nas nossas faculdades mentais e em nossas emoções para fazer nossas escolhas de maneira assertiva.

VII - O Carro

O carro fala sobre triunfos que conquistamos através da nossa doação. Mais do que isso, pede para que tomemos as rédeas da nossa vida sem nos deixar influenciar. Mostra que somos capazes de guiar nosso caminho a partir da nossa autoconfiança

VIII - A Justiça

É uma carta que nos lembra de usar nosso intelecto para julgar as situações de maneira imparcial. Nos pede para não tomarmos posições com base apenas na emoção, pois é preciso priorizar o equilíbrio em todas as situações.

IX - O Eremita

O Eremita mostra que a sabedoria é a principal colheita dessa vida. Mais do que isso, ensina que, por mais que a solidão assuste, a solitude pode ser uma ferramenta e tanto para o autoconhecimento. Assim, o Eremita nos pede para centrarmos nossos pensamentos e emoções.

X - Roda da Fortuna

A Roda da Fortuna traz como lição a ciclicidade da vida. Por isso, simboliza a possibilidade de tudo mudar rapidamente e a sabedoria de que todo ciclo tem o seu fim e, mais tarde, o seu início novamente. Pede que a gente respeite aquilo que marca nosso destino como parte importante de nossa evolução.

XI - A Força

A Força representa nossa capacidade de direcionar as situações de maneira perspicaz. É uma carta que traz a percepção de tudo aquilo que nos impede de crescer ao limitar nossa vontade. Por isso, mostra que a maior força que podemos usar não é a física, mas aquela guiada pelo domínio de nossos instintos.

XII - O Enforcado

Quais sacrifícios devemos fazer para evoluir e aprender? Esse é o principal questionamento d'O Enforcado, que nos mostra que novos direcionamentos de vida exigem sacrifícios. Saia do comodismo e aprenda a enxergar as situações como elas se apresentam!

XIII - A Morte

A carta d'A Morte simboliza um fim, nos ensinando que finalizações são necessárias e, mesmo com dor, elas podem ser benéficas e essenciais para o amadurecimento da nossa jornada. Essa é a grande lição desta carta, que frisa: todo final precede novos começos.

XIV - A Temperança

A Temperança mostra que precisamos buscar equilíbrio. Como cada processo tem seu próprio tempo, esse arcano automaticamente nos fala sobre ter paciência e aceitar a fluidez das situações, sem cair em um estado de passividade, mas conseguindo manipular com destreza as situações que se apresentam.

XV - O Diabo

O Diabo é uma carta que nos mostra tudo aquilo que nos aprisiona em nome da liberdade de sentir prazer. Portanto, diz que muito do que praticamos para ser livre nos aprisiona. Sua maior lição é: não deixe seus vícios, luxos e obsessões ditarem o rumo de sua vida. Tenha consciência sobre seus atos!

XVI - A Torre

Essa carta nos traz transformações dolorosas a partir da destruição daquilo que construímos com esforço. Ela nos mostra que devemos romper com tudo o que nos aprisiona mesmo sem a gente perceber. Com isso, ensina que tudo que se rompe tinha um motivo para isso acontecer: nossa evolução.

XVII - A Estrela

A Estrela nos diz que sempre vai ter uma "luzinha no fim do túnel" para nos guiar. A gente só descobre nossa verdadeira força espiritual quando somos obrigadas a usá-la. Por isso, a maior lição dessa carta é: acredite em suas capacidades, nunca deixe de sonhar e conecte-se com sua fé!

XVIII - A Lua

Para a Astrologia, a Lua guia as emoções e a intuição. Por isso, a carta d'A Lua é uma carta sobretudo de conexão espiritual, mas também de diversos aspectos que vão refletir nossos sentimentos. Ela diz que devemos procurar em nossas emoções ocultas a força mais poderosa de conexão com a nossa verdade.

XIX - O Sol

O Sol nos enche de autoconfiança e de clareza para guiarmos nossa caminhada de acordo com a nossa essência. Sua carta simboliza novos ciclos que se iniciam para trazer mais prosperidade e abundância em nossa vida. Mostra que temos a capacidade de ir atrás dos nossos sonhos com sucesso!

XX - O Julgamento

Essa carta pede que encaremos aquilo que nos traz crescimento. Quando O Julgamento cai, ele nos mostra que nós somos responsáveis pelas nossas ações e, consequentemente, pelos resultados. Sendo assim, que saibamos o que plantar!

XXI - O Mundo

É uma carta que nos traz os louros das nossas missões realizadas com sucesso. Portanto, o Mundo ensina que tudo que é feito com dedicação nos transforma profundamente para uma realidade. Basta seguirmos nosso coração para desfrutar dessa sensação.