PUBLICIDADE

Topo

Beleza

Gelo direto na pele: o hit de skincare do TikTok funciona mesmo?

A modelo Irina Shayk é adepta da técnica de skin-icing - Reprodução/Instagram
A modelo Irina Shayk é adepta da técnica de skin-icing Imagem: Reprodução/Instagram

Isabella Marinelli

De Universa

29/04/2021 04h00

Uma busca rápida na hashtag do termo skin-icing no TikTok ou no Instagram retornará centenas de vídeos, que já foram visualizados outras milhares vezes. O termo em inglês dá nome à crioterapia facial e traduz a ação de aplicar gelo diretamente na pele. O truque, que parece simples e inofensivo à primeira vista, ganhou adeptos com a promessa de tornar o rosto mais iluminado e lisinho após os minutos de contato com temperaturas baixíssimas. Há até quem relate que o uso constante reduziu pontos de inflamação relacionados à acne e à rosácea.

O jeito de passar varia conforme o gosto de quem faz: desde deslizar a pedra inteira, inclusive em formatos gigantes, até mergulhar o rosto todo em uma vasilha com água congelante. Fora do Brasil, já há marcas que comercializam forminhas específicas para armazenar o gelo dedicado ao skincare.

Gelo ajuda a desinflamar a pele?

A proposta, apesar de prometer simplicidade e eficiência, pode oferecer riscos. "O gelo não deve ser usado diretamente sob a pele em razão das chances de queimaduras. A rosácea, por exemplo, que é uma doença inflamatória, pode apresentar piora importante com exposição ao frio intenso. Já para a acne, que é uma doença extremamente comum, dificilmente haverá algum benefício", explica a dermatologista Lília Guadanhim, da Unidade de Cosmiatria da Escola Paulista de Medicina (Unifesp), de São Paulo.

Mas e as compressas frias?

Os efeitos imediatamente sentidos com o uso de compressas frias ajudam a construir o mito em torno da técnica do gelo. "Isso acontece, pois as baixas temperaturas têm ação vasoconstritora, ou seja, faz com que os vasinhos sob a pele se contraiam, dificultando a passagem do sangue. A ação, que é momentânea, ajuda na vermelhidão e pode suavizar a aparência das olheiras", esclarece a dermatologista Antonella Murad, de Minas Gerais. O resultado pode até agradar, mas não tem efeito cumulativo.

Rolinhos de pedra - Divulgação - Divulgação
Rollers de pedra, como jade e quartzo, garantem sensação geladinha e ainda drenam o rosto. Este é Océane (119 reais)
Imagem: Divulgação

Como tornar o rosto mais iluminado e descansado?

Quem gosta da sensação geladinha pode apostar em compressas ou instrumentos específicos. Vale usar um algodão embebido de água fria ou borrifar água termal, por exemplo. "Outra opção simples é deixar a máscara facial por alguns minutinhos na geladeira antes da aplicação", exemplifica Murad.

Há ainda a possibilidade de investir em acessórios de skincare, como os rolinhos de pedra, que massageiam e refrescam ao mesmo tempo. Dá para armazená-los até em coolers específicos.

"Pensando especificamente na área ao redor dos olhos, existem séruns e cremes que já vem com aplicadores de metal acoplados. O material é naturalmente mais geladinho e ainda ajuda na hora de passar", diz Guadanhim.

Beleza