PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral

Amuletos de âncora e ferradura protegem a casa contra o mal. Como usá-los?

Alguns itens não são só decorativos: âncora, ferradura e olho grego podem proteger a casa contra o mal - KatarzynaBialasiewicz/Getty Images/iStockphoto
Alguns itens não são só decorativos: âncora, ferradura e olho grego podem proteger a casa contra o mal Imagem: KatarzynaBialasiewicz/Getty Images/iStockphoto

Claudia Dias

Colaboração para Universa

23/04/2021 04h00

Proteção, nunca é demais, não é mesmo? Por isso, vale recorrer a diferentes alternativas, principalmente quando envolve o lugar em que a gente mora. Em casa, amuletos são bem-vindos, pois possuem uma carga energética muito poderosa.

"A função deles é proteger, atrair sorte e enfatizar características importantes que podem ajudar no desenvolvimento de quem os usa. Talismãs são adotados desde os tempos antigos para proteger contra forças maléficas", aponta a mística espiritualista conhecida como Cigana Kélida.

De acordo com ela, tais peças emitem vibrações positivas, que são transmitidas ao portador, ou seja, o morador da casa, proporcionando proteção contra as energias do mal.

Kelida explica que não há necessidade de usar mais de um talismã ou amuleto. "Se dois forem usados ao mesmo tempo, um neutralizará a força do outro. É por isso também que o talismã não é um objeto transmissível", pontua.

A seguir, a mística sugere dez diferentes tipos de objetos que podem ser adotados para proteção não só dentro de casa, mas também em veículos e para uso pessoal.

Talismãs e amuletos que protegem a casa: significados

  • Ankh

A cruz egípcia com uma alça é associada a um antigo hieróglifo egípcio. "O talismã representa o sopro da vida, imortalidade, vida eterna, razão pela qual os deuses egípcios antigos eram frequentemente retratados carregando a cruz Ankh em uma das mãos", comenta Kélida. O item oferece proteção divina do sol, abençoando com sorte o dia a dia de seu "dono". Pode ser adotado em qualquer lugar da casa.

  • Dado de jogos

Considerado símbolo de sorte, o cubo com lados numerados é indicado para quem quer ser contemplado pelo universo em todos os aspectos da vida - inclusive para se sentir protegido. O escritório da casa ou canto de trabalho é o local mais indicado para recebê-lo, pois ajuda a enfrentar problemas profissionais. A dica é adotar o dado em par ou, então, em tamanho grande.

  • Olho grego

Vale tanto para a casa quanto para o ambiente de trabalho, pois protege contra inimigos e invejosos. "Olho grego é um amuleto que, segundo as crenças turcas, protege contra o mau-olhado - um tipo de força negativa ou poder maléfico que, através de uma dose consciente ou inconsciente de inveja ou ressentimento, pode se esconder em gentis elogios ou olhares", relata Kélida. Qualquer lugar do imóvel pode receber o exemplar da peça.

  • Wu Lu

Com formato que lembra uma cabaça, trata-se de um talismã de proteção para viajantes durante o período de deslocamento, mas que também age sobre a saúde, a longevidade, o sucesso e a sorte. "Protege contra quaisquer acidentes, incidentes, energias e pensamentos negativos. Afasta a má sorte e atrai sorte em qualquer esfera da vida", indica a mística. Vale manter um Wu Lu dentro do carro em tempo integral.

  • Ferradura

Nova ou usada, tanto faz! Também pode ser em tamanho real ou pequena e delicada. Em todos os casos, a ferradura protege contra crises financeiras e ajuda quem precisa concretizar um negócio ou resolver assuntos relacionados a dinheiro. Pode ser mantida em diferentes locais da casa para reforçar a proteção.

  • Âncora

Símbolo de marinheiros e aventuras em mares remotos, a âncora é bastante recomendada para quem busca proteção e uma vida mais equilibrada em todos os sentidos. É bem-vinda em qualquer canto do imóvel.

  • Filtro dos sonhos

Também chamado de apanhador de sonhos, parece com uma teia de aranha, com pedras e penas penduradas. Sua origem vem das crenças indígenas nativas da América do Norte. "Dizem que os sonhos ficam presos na teia: os bons escorregam nas penas, enquanto os ruins se perdem pelo buraco do meio do apanhador", observa Kélida. O amuleto ajuda o morador a pensar com mais clareza e realiza desejos. Pode ser colocado perto ou na janela do quarto, de preferência em cima da cama, ou ainda na porta de entrada da casa.

  • Triângulo

A proteção, nesse caso, blinda inveja, ciúmes e adversidades. Por isso, a indicação é adotar um pingente nesse formato, para uso pessoal. "Neste ano, os triângulos trarão sorte no amor e na vida familiar", acrescenta a especialista.

  • Coração

Outra dica para uso pessoal, também na forma de pingente, é carregar um coração pequeno e discreto, seja na pulseira, no colar ou mesmo preso ao relógio. Segundo Kélida, será fonte de energia positiva durante os momentos chave em que é preciso tomar decisões importantes.

  • Cobre

Qualquer peça de cobre é considerada ideal para afastar os maus espíritos e proteger contra maldições. Por isso, deve ser mantida na porta de entrada da casa. Uma boa sugestão, nesse caso, é um sino de cobre.

Alto Astral