PUBLICIDADE

Topo

Mulheres inspiradoras

Michelle Obama parabeniza Malala Yousafzai: "Caráter muito além da idade"

Malala Yousafzai completa 23 anos neste domingo, 12 - Eduardo Anizelli/ Folhapress
Malala Yousafzai completa 23 anos neste domingo, 12 Imagem: Eduardo Anizelli/ Folhapress

De Universa

12/07/2020 12h00

A ativista Malala Yousafzai completa, neste domingo, 23 anos. E para não passar em branco, a ex-primeira dama Michelle Obama fez questão de compartilhar em sua rede um longo texto, rasgando a moça de elogios.

"Desejando um maravilhoso aniversário para Malala! Conheci Malala pela primeira vez há alguns anos e, imediatamente, ficou claro que ela possuía um caráter muito além de sua idade. Sua incrível resiliência é resultado de um genuíno amor pelo aprendizado, e tenho muito orgulho dela por ter se formado recentemente na universidade", Michelle escreveu, para continuar.

Wishing a wonderful birthday to Malala! I first met Malala a few years ago, and right away, it was clear that she...

Publicado por Michelle Obama em Domingo, 12 de julho de 2020

"Porque não se engane: existem jovens como Malala em todos os cantos do globo, determinadas a receber uma educação digna de sua promessa. Elas são a inspiração para o meu trabalho com a Girls Opportunity Alliance. Portanto, ao celebrarmos #MalalaDay, não vamos simplesmente admirar suas realizações. Vamos nos juntar a ela e fazer a nossa parte para ajudar a desvendar os talentos e o potencial extraordinários das meninas em todo o mundo".

Malala Yousafzai se formou na Universidade de Oxford após encabeçar uma jornada que embalou o mundo pelo direito universal à educação e a emancipação das mulheres por meio do ensino. Aos 14 anos de idade, a paquistanesa levou um tiro na cabeça em um ônibus escolar. Os autores pertenciam ao Talibã e considerava a educação de meninas um valor ocidentalizado. Refugiada no Reino Unido para fugir da morte, Malala ganhou o Nobel da Paz em 2014, sendo a mais jovem a receber o prêmio.

A então estudante gerou uma espécie de "efeito Malala", no qual foi reforçado o papel da educação como uma ferramenta transformadora para a busca da paz e dos direitos das mulheres.

Mulheres inspiradoras