PUBLICIDADE

Topo

Sexo

Transe mais e melhor em 2020: filmes e séries para esquentar a vida sexual

Cena do filme Desobediência - Divulgação
Cena do filme Desobediência Imagem: Divulgação

de Universa

01/01/2020 04h00

Você, eu e toda a população mundial estamos transando menos, segundo as pesquisas. Os motivos são muitos. Entre eles, vida corrida e cheia de tarefas, excesso de medicamentos, uso exagerado de redes sociais, falta de disponibilidade para o outro.

Se um dos seus objetivos para 2020 é melhorar sua vida sexual, é preciso tomar algumas atitudes. Como explica Ana Canosa, sexóloga e apresentadora do podcast Sexoterapia, o desejo e o sexo não são espontâneos, especialmente em relacionamentos longos. Por isso é preciso ser ativa, trabalhar para resgatar sua libido e o erotismo com o parceiro ou parceira.

Universa separou dicas de filmes e séries — indicados durante a primeira temporada do Sexoterapia — que refletem sobre sexo e relacionamento e são bons instrumentos para viver melhor sua sexualidade em 2020. Anote!

A Mentira (filme) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

A Mentira

Nessa comédia romântica, Emma Stone é uma menina virgem e invisível na escola. Pressionada por uma amiga, ela mente sobre ter feito sexo com um dos caras mais populares da faculdade. Com isso, passa de virgem à safada. Um filme leve, mas bem interessante para se pensar nas razões pelas quais fazemos sexo.

Desobediência (filme) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Desobediência

O filme ambientado em Londres conta a história do relacionamento proibido entre duas mulheres, vivido dentro de uma comunidade judaica ultraortodoxa. "E tem uma das cenas sexuais mais eróticas e sensuais que eu já vi na minha vida", diz Ana Canosa.

Elisa e Marcela (filme) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Elisa e Marcela

História verídica de duas mulheres que se casaram na Espanha em 1901. Uma delas se faz passar pelo primo falecido e, com isso, acabam conseguindo se casar na Igreja.

Newness  - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Newness

Esse longa fala sobre as novas maneiras de se relacionar e explora a dicotomia entre o sexo casual e o compromisso. Resume o dilema contemporâneo de estabilidade versus liberdade, segurança versus autonomia.

Ela Quer Tudo (Netflix) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Ela quer tudo

A série produzida pela Netflix e dirigida por Spike Lee narra, em 10 episódios de 30 minutos, as experiências de uma mulher que gosta muito de sexo. "Sou pró-sex, poliamorosa e pansexual", diz a protagonista Nola Darling. Também indicada por Ana para refletir sobre sexo casual e compromisso.

 Kiki - Os Segredos do Desejo - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Kiki - Os Segredos do Desejo

Um filme espanhol que aborda o tema das práticas sexuais específicas em cinco histórias muito divertidas. "Ótimo para quem nunca falou de fantasia com o parceiro: bom gancho para começar a conversa", diz Ana.

amizade dolorida (Filme) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Amizade Dolorida

Uma série da Netflix que, em sete episódios de menos de vinte minutos, conta a história de dois amigos (uma mulher e um homem) mergulhados no universo do BDSM e de outras práticas sexuais menos ortodoxas.

Histeria (filme) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Histeria

Ambientado em 1880, o filme fala sobre um período histórico em que as mulheres com desejo eram vistas como histéricas. Para tentar resolver o problema, um médico estuda as propriedades da masturbação (spoiler: o vibrador foi criado com esse objetivo).

Professor Marston e as mulheres-maravilhas - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas

O drama reconstitui a vida de William Moulton Marston, inventor da super-heroína mais famosa da história dos quadrinhos. Todo mundo conhece a Mulher Maravilha, mas poucos sabem que ela foi inspirada em duas mulheres —com as quais o quadrinista mantinha uma relação de poliamor.

2 mais 2 (filme) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

2 mais 2

O filme argentino conta a história de um casal praticante de swing que tenta incluir um casal de amigos nessa dinâmica amorosa. "Essa comédia mostra como é difícil abrir a relação depois de muito tempo de relacionamento conjugal. Toca no tema da monogamia de uma forma bem sensível", diz Ana.

Sexo