PUBLICIDADE
Topo

Tem antivírus para celular? Sim: aprenda a usar o app e se livre de ameaças

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Do UOL, em São Paulo

31/07/2022 16h42

A possibilidade de ter o celular infectado por vírus é real. No Brasil, empresas de segurança digital registram uma média de 1,4 mil tentativas de ataques por minuto em smartphones, com tendência de crescimento para as infecções por trojans bancários (vírus que entram "disfarçados" no seu sistema e passam a vascular dados da sua conta bancária).

Tomar algumas medidas de segurança é fundamental para se proteger. A principal delas é usar antivírus no celular. O download é feito nas lojas de aplicativos. Tanto os sistemas Android quanto o iOS têm boas opções gratuitas e pagas: Norton, Avast, Kaspersky, Trend Micro, Antivírus Acelerador & Limpeza (da Psafe) e Avira são alguns dos mais conhecidos.

Praticamente todos eles começam a operar e monitorar ameaças no seu celular logo após você configurar o app pela primeira vez. Mas caso queira ver com seus próprios olhos, ou acha que acabou de clicar em algo suspeito e quer resolver imediatamente, veja abaixo como escanear.

Usamos o app da Avast (no Android) como exemplo, mas cada antivírus vai ter, na tela principal, uma opção para varredura imediata.

Aplicativo Avast, antivírus; botão para primeiro escaneamento - Reprodução - Reprodução
Aplicativo Avast, antivírus; botão para primeiro escaneamento
Imagem: Reprodução

Após a instalação do app, é fácil reconhecer o botão de escanear a memória do celular. Ao clicar nele, dê permissão para o app acessar fotos, mídia e arquivos do dispositivo.

Aplicativo Avast, antivírus; pedido de permissão para acesso a arquivos do celular - Reprodução - Reprodução
Aplicativo Avast, antivírus; pedido de permissão para acesso a arquivos do celular
Imagem: Reprodução

Ele vai fazer a análise completa, e ao final, indicará se algum malware (programa mal intencionado) foi removido. Ele também relata eventuais fragilidades permitidas pelas configurações do sistema ou por outros aplicativos.

Por exemplo, o antivírus dirá se algum app está rastreando sua localização constantemente ou se você deixou que programas fora da Google Play tenham se instalado. Caberá a você acatar as sugestões de modificar esses elementos para que a defesa do celular melhore.