PUBLICIDADE
Topo

Elétrico e futurista: conheça carro da Nasa para transporte de astronautas

Veículos elétricos desenvolvidos pela startup Canoo vão transportar astronautas da missão Artemis até estação de lançamento - Divulgação
Veículos elétricos desenvolvidos pela startup Canoo vão transportar astronautas da missão Artemis até estação de lançamento Imagem: Divulgação

De Tilt, em São Paulo

24/04/2022 10h34Atualizada em 24/04/2022 10h39

Com a proximidade da Artemis, a primeira missão lunar tripulada para a Lua após mais de 50 anos, a Nasa revelou recentemente os detalhes do seu novo veículo futurístico que fará o transporte dos astronautas até a base do lançamento, além de equipamentos.

Desenvolvido pela startup norte-americana Canoo, os veículos, que ainda não têm um nome oficial, são 100% elétricos sem emissão de carbono e têm formato de casulo. Serão fabricadas três unidades que deverão estar prontas até junho de 2023, quando deverão ocorrer os primeiros testes.

A ideia é que eles consigam levar astronautas completamente equipados em um trajeto de 12 km, do Centro de Operações Neil Armstrong até a plataforma de lançamento 39B.

A missão tripulada Artemis não deve rolar até 2024. Antes disso, a Nasa deverá fazer duas missões exploratórias, sem astronautas, ao nosso satélite — uma delas, inclusive, deve ser lançada ainda neste ano.

Além de marcar a volta de humanos à Lua, a Nasa levará a primeira mulher e a primeira pessoa negra ao nosso satélite natural.

Segundo a Nasa, os veículos elétricos da Canoo substituírão a frota Astrovan, veículos desenvolvidos em 1983, de cor prateada, e que transportaram astronautas para ônibus espaciais.

Astrovan no Centro Espacial Kennedy, da Nasa, na Flórida (EUA) com astronautas da missão Atlantis - Nasa/Cory Huston - Nasa/Cory Huston
Astrovan no Centro Espacial Kennedy, da Nasa, na Flórida (EUA) com astronautas da missão Atlantis
Imagem: Nasa/Cory Huston

Nas últimas missões tripuladas lançadas de solo norte-americano, os astronautas foram transportados por veículos da Tesla até a base de lançamento. Em todas as ocasiões, os foguetes foram desenvolvidos pela SpaceX - ambas as empresas fundadas pelo bilionário sul-africano Elon Musk.