PUBLICIDADE
Topo

Entregador teve acidente? Veja 5 dicas para não cair nos golpes do delivery

iStock
Imagem: iStock

Bruna Souza Cruz

De Tilt, em São Paulo

11/09/2021 14h23

Você escolhe uma comida pelo aplicativo, confirma o pedido e um tempo depois recebe uma ligação: "aqui é do restaurante. Queria avisar que o entregador sofreu um acidente. Vamos mandar outro no lugar, tudo bem?". Um aviso preocupante considerando a saúde do profissional, mas uma desculpa que tem sido usada no famoso "golpe do delivery".

A nova pessoa que está com o seu pedido pode acabar induzindo você a usar a maquininha do cartão para o pagamento mesmo que ela esteja com o visor quebrado. Tudo para enganar a vítima e fazê-la digitar a senha. O golpista passa então um valor muito maior do que a compra original. A modelo Yasmin Brunet chegou a perder R$ 7,9 mil dessa forma.

Dados do Procon-SP mostram que as reclamações de golpes envolvendo aplicativos de entrega aumentaram 186% entre 2020 e este ano. Os apps mais comuns usados na tentativa de fraude foram iFood, Rappi e Uber Eats.

Diante da gravidade, Tilt separou cinco dicas para você não cair em golpes do delivery:

  1. Recebeu uma ligação que o entregador teve um acidente? Desconfie. Ligue o alerta mesmo que alguém em nome do restaurante entre em contato confirmando os seus dados e pedido.
  2. O entregador chegou e o rosto dele não é o mesmo da foto que está cadastrado no aplicativo? Cuidado. Evite fazer o pagamento.
  3. O entregador disse que a maquininha do cartão está com problema, com o visor quebrado ou algo do tipo? Não pague! Você pode usar o aplicativo para entrar em contato direto com o restaurante e fazer a reclamação.
  4. Existe um pedido de cobrança de taxa extra de entrega (por parte do entregador ou do restaurante)? Não faça o pagamento. O preço dela geralmente fica menos de R$ 5. Pode parecer pouco para alguns, mas é na hora de pagá-lo que os golpistas passam um valor muito maior.
  5. Alguém ligou ou mandou mensagem se passando pelo restaurante e pediu seus dados pessoais e do seu cartão de crédito? Jamais forneça as informações.