Topo

Frete grátis, músicas e séries: Amazon Prime chega ao Brasil por R$ 9,90

Alex Szapiro, gerente regional da Amazon no Brasil - Helton Simões Gomes/UOL
Alex Szapiro, gerente regional da Amazon no Brasil
Imagem: Helton Simões Gomes/UOL

Helton Simões Gomes

De Tilt, em São Paulo

10/09/2019 00h01Atualizada em 10/09/2019 10h54

Sem tempo, irmão

  • Amazon Prime chega ao Brasil por R$ 9,90 ao mês ou R$ 89 ao ano
  • Isso funciona como um combo de serviços ou facilidades da empresa
  • Ele dá acesso aos serviços de streaming de músicas, games, séries e filmes
  • Também permite ler, sem custo adicional, livros e revistas no app do Kindle
  • Serviço dá frete grátis para produtos comprados da própria Amazon

Nove meses depois de começar a vender produtos diretamente no Brasil, a Amazon dá um passo para não só expandir sua operação no país, como também integrar ainda mais suas linhas de atuação. A partir desta terça-feira (10), começa a oferecer o Amazon Prime, um combo de serviços com acesso a músicas, games, séries e filmes por streaming, além de frete grátis na entrega de produtos.

O Brasil é o 19º mercado em que a varejista norte-americana passa a oferecer o Prime. A assinatura a ser cobrada por aqui é de R$ 9,90 mensais ou R$ 89 anuais — menor do que nos Estados Unidos, onde, apesar de algumas diferenças no pacote, o Prime custa US$ 119 ao ano. No Brasil, o Amazon Prime dará direito:

  • A frete grátis e, para algumas cidades, entrega acelerada;
  • Ao serviço de streaming de vídeo da Amazon, o Prime Video;
  • Ao novo serviço de streaming de música da Amazon no Brasil;
  • A uma seleção de livros e revistas;
  • Ao Twitch Prime, que inclui bônus de jogos e conteúdos de jogos exclusivos.

Entrega grátis

Os assinantes do Prime não pagarão pelo frete da entrega dos produtos vendidos pela própria Amazon —algo como mais de 500 mil itens. A loja também é um marketplace, ou seja, uma vitrine virtual usada por varejistas de todos os tamanhos. Os produtos oferecidos por outras empresas não são contemplados com essa vantagem. Para ficar mais fácil, os produtos incluídos são sinalizados com a etiqueta "Prime".

Outro benefício na hora da entrega é que os prazos serão de dois dias para cerca de 90 cidades. Estão nesse grupo os municípios das regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio, além de Belo Horizonte, Distrito Federal e algumas cidades da região Sul.

Dona de dois centros de distribuição em Cajamar, a Amazon não entrega o segredo para prometer o envio de uma compra em até 48 horas às casas dos clientes. "Esse é o nosso molho secreto. A gente não conta", brinca Alex Szapiro, gerente geral da Amazon no Brasil.

Ele conta apenas que um software próprio coordena a atuação de parceiros logísticos, como Loggi, Total e Correios, para que o tempo de entrega avisado ao consumidor seja o mais preciso possível.

"Nos últimos anos, a gente vem desenvolvendo soluções de logística de tal maneira que não é só a entrega que conta. O mais importante é a data de promessa", diz.

Séries e filmes

O serviço de streaming de séries e filmes da Amazon é outro integrante do pacotão do Prime. Um dos maiores concorrentes da Netflix e da HBO Go é também o mais barato deles. Se for contratado individualmente, sai a R$ 14,90 (R$ 7,90 nos seis primeiros meses), contra os R$ 21,90 cobrados pelo pacote mais básico da Netflix e os R$ 34,90 da HBO Go.

O catálogo inclui séries consagradas, como "Two and a Half Men" e "Mr. Robot", e produções originais, como "American Gods" e "Good Omens".

Música e games

A Amazon aproveitou a chegada do Prime ao Brasil para lançar seu serviço de streaming de música no país. O Amazon Music Unlimited terá biblioteca com mais de 50 milhões de músicas e preço mensal de R$ 16,90 por mês. Os assinantes do Prime, por sua vez, terão acesso a um catálogo menor, com 2 milhões de faixas.

Comuns aos dois serviços serão as playlists temáticas, por exemplo, de sertanejo, axé e gospel. As canções poderão ser baixadas e não serão interrompidas por anúncios. Segundo a Amazon, os clientes que quiserem ter acesso a mais conteúdo poderão fazer um upgrade do Prime Music para o Music Unlimited. Como ainda não há informação sobre preços, não é possível comparar com serviços concorrentes, como o Spotify e YouTube Music, que cobram R$ 16,90 ao mês.

Os membros ganharam acesso ao Twitch Prime, o que dá loots (recompensas de games online) de jogos populares como "Apex Legends" e "Call of Duty: Black Ops 4". Além disso, a cada mês haverá uma seleção de jogos gratuitos.

Livros e revistas

Os assinantes também podem ler uma seleção de livros e revistas sem ter de desembolsar mais do que o preço da mensalidade. O catálogo do Prime Reading chega às centenas de títulos é rotativa, segundo a Amazon. Inclui publicações como os best-sellers "Outros Jeitos de Usar a Boca", de Rupi Kaur, e a versão em inglês de "Harry Potter e a Pedra Filosofal", de J.K. Rowling. Também haverá títulos de revistas da Editora Abril, como Veja e Claudia.

Os livros e revistas podem ser lidos no leitor eletrônico Kindle ou nos apps para Android e iOS. É bom notar que, apesar de similar, esse serviço não é o Kindle Unlimited, em que os usuários pagam R$ 19,90 para ter acesso a mais de um milhão de livros eletrônicos.

Não tem no Brasil

Szapiro diz que essa é a estreia do Amazon Prime em um mercado que conta com o maior número de serviços. Ainda assim, há diferenças para o pacote oferecido em outros países. Nos EUA, por exemplo, membros do Prime recebem descontos na rede de supermercado Whole Foods e contam com entregas grátis de até duas horas para compras feitas nesses estabelecimentos.

O executivo diz que não há anúncios desse tipo para serem feitos agora. Isso não quer dizer que não tenha novidade alguma no forno. Segundo ele, a Amazon já está testando entregar com sua força logística própria os produtos de outras lojas de seu marketplace. Com isso, o catálogo de itens com entrega grátis pelo Prime pode crescer em breve.

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS

Mais Fique por dentro