Conteúdo publicado há 2 meses

Jovem é esmagada por fã ao tirar foto com Chris Hemsworth: 'Desesperador'

Uma jovem foi "esmagada" ao tentar tirar foto com Chris Hemsworth durante a CCXP 2023, na última quinta-feira (30), em São Paulo.

O que aconteceu:

Chris Hemsworth marcou presença no primeiro dia do evento para apresentar o painel e o primeiro trailer do filme "Furiosa: Uma Saga Mad Max", ao lado de Anya Taylor-Joy. Simpático, o ator australiano posou para selfie com os fãs, mas uma em particular teve uma experiência desagradável.

Vídeo divulgado nas redes sociais mostra o ocorrido. Nas imagens, é possível ver o momento em que a fã está na grade para tirar foto com Hemsworth, quando um homem, mais alto que ela, vem por trás e passa a pressioná-la contra a grade para tentar foto com o ator.

No X, antigo Twitter, a jovem explicou o ocorrido. Ela disse que antes de o ator chegar para as fotos, o homem que a "esmagou" estava lá e se fez de "amigo". Porém, na hora de tirar a foto, ele "agarrou" no pescoço dela e começou a puxá-la em uma tentativa de tomar a frente.

"Foi desesperador e eu só sabia chorar. Não consegui reagir, foi horrível. Eu não tinha conseguido [tirar foto], por isso, e pelas agressões, que eu estava desesperada, chorando, porque tava me machucando e eu nem tinha conseguido falar com o Hemsworth", afirmou.

Chris atendeu jovem após vê-la chorar. Segundo contou, o ator australiano a "atendeu" após ver seu desespero. "Só depois de eu ser esmagada e puxada pelo pescoço. Nada justifica o jeito que ele [o homem] me tratou, tocou, agrediu".

CCXP não ajudou a organizar para fotos. Ainda de acordo com a jovem, os organizadores do evento "não fizeram nada" com os fãs, preocuparam-se só com Hemsworth. "Ninguém, nenhum segurança me deu apoio ou ajuda, e todos viram".

A Splash, a CCXP disse "não compactuar com atitudes que possam colocar em risco a integridade do público". O evento informou que entrou em contato com a fã "para ouvi-la e prestar todo o atendimento necessário" e destacou que, após o episódio, adotou medidas para reforça a segurança do público.

Dessa forma, novas medidas foram adotadas. Todo o protocolo de segurança foi reforçado e a direção do palco passou a solicitar pelo microfone o pedido por calma e atenção dos fãs no momento em que os artistas descem para interagir com o público, entre outras ações. O festival ressalta que conta, dentro dos pavilhões, com uma equipe de uma empresa especializada em prevenção e acolhimento. Os fãs podem buscar por este serviço a qualquer momento do dia dentro do evento.

Continua após a publicidade

— CCXP em nota a Splash

A reportagem não conseguiu localizar o homem que aparece nas imagens "esmagando" a jovem. O espaço segue aberto para manifestação.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes