PUBLICIDADE
Topo

Como apoiadores de Trump estão usando acidente para atacar Alec Baldwin

Alec Baldwin imitava Donald Trump no programa de humor "Saturday Night Live" - Getty Images
Alec Baldwin imitava Donald Trump no programa de humor 'Saturday Night Live' Imagem: Getty Images

De Splash, em São Paulo

22/10/2021 09h48Atualizada em 22/10/2021 12h05

Ontem, uma falha em uma arma cenográfica disparada por Alec Baldwin nas gravações do filme "Rust" deixou uma pessoa morta e outra ferida.

O jornal local "Santa Fe New Mexican" informou que o ator foi visto "perturbado e em lágrimas" enquanto falava ao telefone do lado de fora da delegacia após o seu depoimento. Nas redes sociais, ele é alvo de ataques — principalmente de apoiadores do ex-presidente americano Donald Trump.

Um apoiador de Trump escreveu: "Lembram os ataques perversos de Alec Baldwin ao presidente Trump? Bom, agora Alec Baldwin tem grandes problemas com o karma..."

"Espero que Alec Baldwin esteja sofrendo. O babaca provavelmente vai culpar Trump por isso, também. A lei do karma nunca falha", comentou outro.

Alec Baldwin é odiado pelos fãs de Trump porque sempre foi crítico a sua candidatura, e imitou o ex-presidente em diversas esquetes no programa de humor "Saturday Night Live" (SNL).

Os dois já até brigaram no Twitter algumas vezes. Em março de 2018, Trump fez uma postagem dizendo: "Alex (sic.) Baldwin, cuja carreira medíocre e moribunda foi salva por sua imitação de mim no SNL, agora diz que interpretar Donald J. Trump foi uma agonia para ele. Alex, também foi uma agonia para quem foi obrigado a assistir. Você foi horrível. Tragam de volta Darrell Hammond, ele é muito mais engraçado e talentoso!"

Hoje, a publicação não está mais disponível porque o ex-presidente foi banido da rede social em janeiro deste ano, após incitar a invasão ao Congresso Nacional por perder as eleições. A resposta de Alec Baldwin ainda pode ser lida no Twitter:

"Apesar de ter passado pela agonia, eu gostaria de continuar no SNL para as audiências do impeachment, o discurso de renúncia, o passeio de despedida no helicóptero. Você sabe. As coisas boas. Que todos nós estamos esperando".

O uso político do acidente que resultou na morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins, de 42 anos, causou revolta nas redes sociais.

"É nojento para ca***** ver quantos apoiadores de Trump estão aparecendo do nada para fazer algum comentário ou piada de mau gosto sobre o acidente com Alex (sic.) Baldwin e Halyna Hutching. Meu Deus, gente", escreveu o diretor Stephen Ford.